Faça compras de Natal pela Internet com segurança

Com a chegada da época natalícia são muitos os portugueses que, na altura de comprar presentes de Natal, preferem a Internet aos tradicionais centros comerciais. A pensar nisto, damos-lhe quatro dicas para fazer compras online de forma segura e eficaz.

O tempo de Natal é associado ao consumo. Todas as lojas têm campanhas especiais e a televisão e rádio inundam-nos de publicidade. Segundo o estudo da Consultora Deloitte, os portugueses vão gastar mais 45€ no Natal deste ano face ao ano passado. A previsão é que gastemos 359€ em compras de Natal.

Uma das formas de poupar dinheiro é através do recurso às compras online, mas será que é seguro? Sim, mas com as devidas cautelas. Deixamos aqui quatro precauções que deverá ter na altura de fazer compras pela Internet.

  • Perceber a fiabilidade do site

Regra geral tem havido mais controlo sobre os conteúdos na WEB, mas é fácil que um anónimo construa um site só com a intenção de extorquir dinheiro, pois não dá a cara. Por isso, a primeira cautela é que verifique até que ponto aquele site é fiável e isso pode fazer através da pesquisa na internet sobre as opiniões dos utilizadores pela Internet. Mas se quiser ser mais cauteloso verifique, sobretudo na página de pagamento, se o endereço da página é um https://. O facto de ter o “s” é uma garantia que está no site encriptado com ferramentas de segurança válidas.

  • Avaliar preços em diferentes sites

Os preços dos produtos comercializados na Internet têm motivos para ser mais baixos, pois os custos que uma loja física tem de pagar não estão refletidos nos preços de venda online. Contudo, nem sempre se confirma esta regra. Como na Internet também há muita compra por impulso, os comerciantes aproveitam-se disso mesmo e fazem-nos acreditar que é o “pegar ou largar”. Mas será que se tivéssemos feito uma pesquisa mais demorada (em diferentes dias e a diferentes horas, porque isso pode fazer diferença!) não teríamos encontrado melhor negócio?

  • Evitar o pagamento com o cartão de crédito

Tendo em conta o que foi dito no primeiro ponto, esta cautela é muito relevante. Infelizmente, nem sempre podemos contorná-la, mas sempre que possível procure evitar a forma de pagamento por cartão de crédito. Existem sites que disponibilizam o pagamento por multibanco (e aqui não temos de dar informações relativas à segurança do cartão), ou podemos sempre aproveitar o MB Net, que no fundo é uma referência que é gerada única e exclusivamente para aquele pagamento. Ou seja, tem de ter cartão de crédito para usar o MB Net, mas se pagar por esta via não estará a dar informações que possam ser clonadas, pois aqueles dados do MB Net só são válidos para um único pagamento.

  • Custos associados

Ao efetuar a compra na Internet esteja atento aos portes de envio. O preço de venda pode ser muito apelativo, mas os custos de envio podem deixar de justificar a poupança. Verifique se tem vantagem em acumular mais compras para que os custos de envio fiquem diluídos por outros produtos e assim conseguirá manter algum nível de poupança através das compras online.

Estas e outras dicas podem ajudá-lo a ter uma melhor experiência nas compras pela Internet. Nunca se esqueça de desenvolver uma postura de comparação. Comparar preços e características dos produtos e serviços podem ajudar a poupar muito dinheiro e evitar problemas no futuro.

artigo do parceiro:

Comentários