Tomar café diariamente pode reduzir o risco de AVC

Saiba porquê

As mulheres que bebem entre uma a duas chávenas de café por dia têm uma probabilidade menor de vir a sofrer um acidente vascular cerebral (AVC).

A conclusão é de uma investigação do Instituto Karolinska, em Estocolmo, com cerca de 35 mil mulheres (entre os 49 e 83 anos) sem historial de doenças cardiovasculares. O estudo concluiu que cerca de 22 a 25% destas mulheres têm uma probabilidade menor de desenvolver a doença do que as que não consomem a bebida.

A investigação, que teve a duração de dez anos, registou 1680 ocorrências de problemas cardíacos diversos e, após a análise dos fatores de risco, verificou que o consumo de café estava associado a um risco estatístico menor de AVC. «O café tem efeito antioxidante, diminui a acumulação de gorduras saturadas e reduz a resistência à insulina, propriedades que podem minimizar o risco de AVC», considera o neurologista Rodrigo Cunha. Ainda assim, os investigadores notam que é demasiado cedo para aconselhar alterações nos hábitos de consumo da bebida.

artigo do parceiro:

Comentários