Rotavírus

Saiba quais são os sintomas de infeção, quem afeta e qual a vacina que o combate

A gastroentrite é uma inflamação do estômago e dos intestinos causada, na sua grande maioria, por rotavírus.

A sua característica principal é a diarreia, que pode implicar desidratação grave, especialmente nas crianças (também pode ocorrer em adultos).

Os sintomas de gastroenterite por rotavírus são variáveis.

Contudo, para além da diarreia líquida (que pode durar entre cinco e nove dias), os vómitos, a febre, a falta de apetite e a dor abdominal também são habituais. A gravidade da infeção varia entre a ausência de sintomas e a desidratação, que pode ser fatal.

Quem afeta?

A infeção por rotavírus é muito frequente (este agente é extremamente contagioso e resistente ao meio ambiente), pelo que praticamente todas as crianças, independentemente do estrato social, padecem dela em algum momento, mesmo em ambientes com boas condições sanitárias.

Tem uma grande repercussão sobretudo em crianças com menos de cinco anos, faixa etária em que se verificam, anualmente, quase 1 50 milhões de casos em todo o mundo, com quase 500 mil mortes.

A vacina que combate o rotavírus

- O seu nome é RotaTeq (dos laboratórios Sanofi Pasteur MSD).


- É uma vacina que se administra oralmente, com os cinco tipos de rotavírus mais habituais, responsáveis por mais de 90% das infecções por rotavírus na Europa.


- Está disponível em Portugal desde Outubro de 2006.


- Pode ser administrada a crianças desde os seis meses, idade a partir da qual começa a surgir o maior número de infeções.


- A taxa de eficácia é de 98% em gastroenterite pediátrica grave.


Texto: Fernanda Soares
Revisão científica: Manuel Carmo Gomes (membro da Comissão Técnica de Vacinação e professor associado na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa)

artigo do parceiro:

Comentários