Que cuidados diários devo ter com a voz?

Para professores, comerciantes, instrutores, atores, jornalistas, executivos e muitos outros.

Para a grande maioria da população ativa em Portugal a dependência da voz para exercer a sua profissão não é uma opção.

Professores, comerciantes, executivos, instrutores de fitness, atores, formadores, jornalistas, vendedores, rececionistas e muitos outros não têm escolha no que respeita ao uso prolongado, intensivo e cativante da voz. Por essa razão, são chamados de profissionais da voz, atletas de alta performance com necessidade de extrair uma qualidade e um rendimento vocal superior ao de outras realidades profissionais.

Se a exigência que colocamos no aparelho vocal fosse proporcional ao cuidado e atenção que lhe dedicamos, conseguiríamos evitar queixas/sintomas como a rouquidão, o cansaço vocal, a mudança da qualidade da voz ao longo do dia, a secura, a dor/tensão na garganta e a vontade constante de tossir ou pigarrear.

Por isso mesmo, deixamos-lhe algumas sugestões práticas para cuidar da sua voz no dia-a-dia:

1. Beba cerca de 1,5L/2L de água por dia e inicie a hidratação pelo menos 30 minutos antes de falar.

2. Boceje várias vezes ao dia, inclusive para aquecer a voz. Se o contexto o permitir, bocejo com som!

3. Antes de usar a voz realize movimentos mastigatórios amplos e com vigor, como se mastigasse uma maça exageradamente grande. Deve também faze-lo enquanto “mastiga” o som mmmm.

4. Espreguice e realize alongamentos pelo menos duas vezes por dia, principalmente na musculatura do pescoço, dos ombros e da bacia. É um hábito importante no combate às posturas mantidas e incorretas.

5. Adote uma posição frente-a-frente quando falar com alguém ou com uma plateia. Evite falar enquanto o corpo e o pescoço estiverem voltados e a gerar tensões musculares contra-indicadas.

Comentários