Plano anti-intoxicação alimentar

5 passos fundamentais para uma alimentação segura

Será que os alimentos que ingere são sempre seguros?

Para se certificar que segue uma alimentação que não põe em risco a sua saúde, damos-lhe a conhecer as regras que deve adoptar na hora de preparar as suas refeições.

Há cuidados que podem fazer toda a diferença na prevenção de uma intoxicação alimentar. Anote já!

1. Higiene

Lave as mãos antes e durante a preparação dos alimentos e higienize os equipamentos, superfícies e utensílios usados na preparação dos mesmos. Proteja-os de insectos e pragas.

2. Separe alimentos crus de alimentos cozinhados

Utilize equipamentos e utensílios (tábuas e facas de corte) diferentes para uns e outros. Guarde-os em embalagens separadas e recipientes fechados.

3. Cozinhe bem os alimentos

Especialmente carne, ovos e peixe. As sopas e guisados devem ser cozinhados a temperaturas acima dos 70º C. Os alimentos que requerem mais atenção são a carnes picadas, em rolo ou grandes peças e ainda aves inteiras.

4. Mantenha os alimentos a temperaturas seguras

Não deixe os cozinhados mais de duas horas à temperatura ambiente e refrigere-os rapidamente. Não descongele alimentos à temperatura ambiente. Mantenha os cozinhados quentes (acima de 60º C) até serem servidos.

5. Use água e matérias-primas seguras

Escolha água potável ou trate-a para o efeito. Seleccione alimentos variados e frescos, ou processados de forma segura (por exemplo, leite pasteurizado). Lave bem a fruta e legumes, especialmente quando comidos crus.

artigo do parceiro:

Comentários