Novas esperanças para os diabéticos

Conheça dois avanços que puderão ajudar as pessoas com diabetes

No início de 2014, a ciência deu dois passos importantes para o controlo e tratamento da diabetes, uma doença que afeta uma em cada 19 pessoas em todo o mundo.

Um desses resulta das conclusões de um estudo norte-americano e o outro está relacionado com um projeto da Google.

Conheça-os de seguida e descubra que inovações encerram e que prespetivas abrem:

Um passo para a cura

Um grupo de cientistas da Universidade da Califórnia, nos Estados Unidos da América, conseguiu transformar células de
pele em células pancreáticas, produtoras de insulina, fazendo com que os níveis de açúcar no sangue em ratinhos diabéticos voltassem ao normal.

A investigação pode vir a revolucionar o tratamento da diabetes tipo 1, na qual o sistema imunológico do doente destroi as células produtoras de insulina, obrigando à injeção diária da mesma.

Glicose sob controlo

A Google apresentou o protótipo de uma lente de contacto inteligente capaz de medir os níveis de glicose no organismo e de enviar a informação para o smartphone. Os cientistas pretendem, ainda, que a lente emita uma pequena luz LED caso os níveis de glicose não sejam normais.


artigo do parceiro:

Comentários