Não deixe que as depressões típicas da época lhe estraguem as férias

Apesar de não existirem muitos estudos sobre os fenómenos depressivos associados a períodos concretos, estima-se que 4% da população adulta seja afetada. Saiba o que deve fazer para se proteger

Geralmente, é sinónimo de sol, boa disposição e férias, mas o verão também pode trazer consigo depressões. E as razões são as mais variadas. Há quem não goste do tempo quente e de praia e as férias escolares são uma preocupação para os pais. Muitos não sabem onde deixar as crianças. E há, ainda, indivíduos que lidam mal com os dias sem rotinas, as preocupações com o corpo aumentam, bem como sentimentos de culpa quando os problemas financeiros impedem as férias fora de portas.

Mas superar este problema, que segundo vários estudos internacionais atinge pelo menos 4% da população adulta nos meses de maior calor, não é tão difícil como parece. Se se sentir triste, tome uma atitude. Estas são as estratégias a seguir para conseguir ultrapassar o problema:

- Peça ajuda e pense nas razões que a fazem ficar deprimido

- Durma

- Pratique uma atividade física regularmente

- Não comece uma dieta se isso a faz infeliz só porque quem a rodeia condena o seu peso

- Planeie as suas férias com tempo, marcações à última hora só a irão stressar

- Não se culpe pela depressão

artigo do parceiro:

Comentários