Ginecologia sem tabus

As questões que nunca ousou fazer ao seu ginecologista. Confira as respostas

Tomar nota. É um conselho que certamente já recebeu nas páginas da nossa revista ou pela voz do seu médico assistente.

Registar na agenda os sintomas, alterações ou dúvidas sobre o organismo que lhe vão surgindo no dia-a-dia é uma ferramenta importante para preservar o seu bem-estar e para ajudar o médico a despistar eventuais problemas.

Abra a sua agenda. Para além das datas da menstruação ou do registo de uma ou outra enxaqueca que anotações fez? Poucas, talvez, bem como as questões que coloca realmente quando chega ao consultório.

Para facilitar a sua tarefa reunimos todas as dúvidas íntimas que muitas mulheres nunca tiveram oportunidade (ou coragem) para perguntar. Maria do Céu Santo, ginecologista e obstreta esclarece tudo, sem hesitações.

A depilação total na zona do biquíni prejudica a saúde?

Se a mulher não tem qualquer sintomatologia e se sente bem pode fazer a depilação total. Agora se tiver sintomas como prurido (comichão) ou dermatite de contacto pode ser contra-indicado. É frequente verificar-se, em algumas mulheres depiladas, alergias ao penso higiénico ou à roupa interior, devido ao contacto directo que têm com a pele.

Se for feita depilação a laser nessa zona pode pôr em risco a fertilidade?


Não representa qualquer risco nem interfere com a fertilidade da mulher.

O uso de lingerie com fio dental faz mal?

Depende da mulher. Se tiver alguma alteração – aumento de corrimento, prurido ou cheiro – não deve usar este tipo de lingerie. Se não tiver sintomas não há qualquer problema.

Com que frequência devo ter corrimento vaginal?

Todos os dias um bocadinho. A quantidade varia consoante a mulher e a fase da vida ou do ciclo menstrual em que esta se encontra. É mais abundante no período da ovulação.

Como posso saber se o corrimento é normal?


O corrimento é saudável se não tiver cor nem cheiro. Geralmente é branco
e na fase da ovulação fica como clara de ovo. Quando se assemelha a
leite coalhado pode ser sinal da existência de fungos. É comum as
mulheres dizerem que o corrimento é amarelo, pois, ao entrar em contacto
com o penso ou cueca, este fica com essa cor.

Comentários