Fármaco low cost para crianças com VIH em fase de estudo

Empresa que desenvolveu o dolutegravir está a colaborar num medicamento de baixo custo para crianças

A empresa farmacêutica que desenvolveu o dolutegravir, um novo medicamento para o Vírus da Imunodeficiência Humana (VIH) aprovado na Europa nas primeiras semanas de 2014, está a desenvolver um fármaco low cost para tratar crianças infetadas com o vírus.

O medicamento em investigação destina-se, sobretudo, a países em desenvolvimento.

«Estamos a trabalhar no desenvolvimento de um medicamento dispersível, de
baixo custo, para crianças afetadas pelo VIH de países em
desenvolvimento e o nosso envolvimento em 24 dos 36 ensaios clínicos de
colaboração, que estão a decorrer nos países em desenvolvimento e que
estamos presentemente a apoiar», referiu à revista Saber Viver fonte da empresa.

«Estes ensaios clínicos têm como objetivo
investigar a transmissão vertical do VIH (mãe-filho) e estratégias de
tratamento em pediatria», acrescenta ainda. Esta está, no entanto, longe de ser a única linha de investigação científica em que a companhia aposta para lançar novos fármacos de combate a doenças como a SIDA (Síndrome da Imunodeficiência Adquirida).

«Estamos igualmente a investigar estratégias inovadoras e novas
estratégias de utilização dos antirretrovirais já existentes, tais como a
prevenção da infeção por VIH através de profilaxia pré-exposição (PrEP)
e de tratamento como prevenção (TasP). O desenvolvimento de formulações
pediátricas é também uma prioridade da ViiV Healthcare, conforme
demonstra a nossa colaboração com a CHAI & Mylan», afirma fonte da empresa.


Texto: Filipa Basílio da Silva com Luis Batista Gonçalves

artigo do parceiro:

Comentários