Exercício físico e boas acções

O segredo de Ana Louro para conseguir viver em harmonia

Desde há algum tempo para cá, decidi mudar diversas coisas na minha vida, com o intuito de me sentir melhor, física e psicologicamente.

Passei a dedicar todos os dias, sem excepção, duas horas ao exercício físico. Uma hora de manhã, ao acordar, quando pratico musculação, pois esta é uma actividade que me permite aumentar o gasto calórico ao longo de todo o dia. E uma hora à tarde, durante a qual faço algo aeróbico.

Como actualmente vivo numa pequena vila do Alentejo, faço actividades ao ar-livre, nomeadamente caminhadas, ciclismo, ténis... Passei a incluir cinco porções diárias de frutas e legumes na minha alimentação e optei por deixar de comer carne e todos os alimentos ricos em gorduras saturadas. Neste momento, tenho uma alimentação que se centra entre o regime macrobiótico e o vegetariano.

Também já não prescindo dos meus dois a três litros de água por dia, essenciais ao bom funcionamento do meu organismo. Outra coisa que passei a incluir no meu dia-a-dia foi terminá-lo, mesmo antes de me deitar, com alguma actividade calma e que me dê prazer. Ler um livro, fazer um puzzle… Tento dormir sempre as sete horas diárias de que o meu organismo necessita para recuperar do dia a dia stressante.

Para além disso, e porque não estamos sozinhos neste mundo, decidi praticar mais boas acções. Faço ajuda de voluntariado, adopção de animais, reciclagem e limpeza de matas e praias. Estas mudanças a que me propus não são temporárias. É algo que tenciono manter para a vida, pois só assim conseguirei viver em harmonia.

Este testemunho é um dos relatos concorrentes ao Passatempo O leitor mais saudável do ano. Para saber quem ganhou, clique aqui.

artigo do parceiro:

Comentários