Degenerescência Macular: A cirurgia que devolve a visão

A Degenerescência Macular da Idade resulta do “envelhecimento” da mácula, a zona mais sensível da retina. Mas há uma cirurgia reparadora. Leia a opinião de um médico especialista.
créditos: CC

O que é a DMRI?

A Degenerescência Macular relacionada com a Idade ou DMRI é uma doença que atinge principalmente pessoas com idade superior a 65 anos, e que resulta do “envelhecimento” da mácula, a zona mais sensível da retina.

Existem duas formas de DMRI: a forma “seca” e a forma “húmida”. Embora atingindo um número mais reduzido de doentes, a DMRI “húmida” é a responsável pela maioria dos casos de cegueira relacionados coma DMRI. Nas situações de DMRI “húmida”, há aparecimento de vasos sanguíneos anormais (neovascularização) que acabam por rebentar e dar origem a hemorragias e cicatrizes no fundo do olho.

Quais são os sintomas de DMRI?

Mancha escura ou esbranquiçada no centro do campo visual, umagens distorcidas ou enevoadas, alteração da visão das cores e alteração do tamanho ou forma dos objetos. Dado que a visão central é afetada, o doente passa a ter dificuldade em ler e escrever, reconhecer faces e ver televisão. Na maioria dos casos, a DMRI acaba por afetar os dois olhos, num espaço de tempo que pode variar entre meses ou anos.

Quais são as causas da DMRI?

As causas de DMRI não são conhecidas. No entanto apontam-se como possíveis fatores de risco:

Idade: Em geral, a DMRI costuma aparecer em pessoas com mais de 50 anos.

História familiar de DMRI: A incidência de DMRI “húmida” é maior em indivíduos com uma história familiar de DMRI.

Doenças:  Hipertensão arterial, doenças vasculares, diabetes. 

Comentários