Defenda-se das doenças cardiovasculares

Tenha em atenção a alimentação, a atividade física, os exames e as consultas e os hábitos de vida

De acordo com dados do Ministério da Saúde, as doenças cardiovasculares são responsáveis por cerca de 40% dos óbitos em Portugal. As medidas de prevenção tornam-se, por isso, essenciais.

Maria João Quintela, médica e presidente da Associação Portuguesa de Psicogerontologia, indica os cuidados essenciais a ter com a alimentação, a importância da atividade física, a urgência de efetuar exames e consultas de rotina e hábitos de vida que deve seguir:

Alimentação

- Previna ou combata a obesidade.
- Comece o dia com uma peça de fruta.
- Faça uma alimentação mais rica em legumes, vegetais, fruta, cereais e frutos secos.
- Consuma pouco sal, poucas gorduras saturadas e pouco açúcar.
- Coma várias vezes ao dia e pouco a cada refeição.
- Faça uma alimentação variada e prefira alimentos grelhados, assados no forno ou cozidos.

Atividade física

- Não esteja muitas horas sentada sem se mexer.
- Pratique atividade física moderada regularmente, ao ar livre, com a família ou amigos.
- Utilize menos o carro e ande mais a pé ou de bicicleta.

Exames e consultas

- Previna ou controle a diabetes.
- Controle a tensão arterial e o colesterol.
- Faça exames periódicos de saúde.
- Se tiver sinais de alarme de doença súbita cardiovascular chame o 112.

Hábitos de vida

- Não fume.
- Controle o stress.


Revisão científica: Maria João Quintela (médica e presidente da Associação Portuguesa de Psicogerontologia)



artigo do parceiro:

Comentários