Ainda precisa de motivos para deixar de fumar?

O risco de várias doenças potencialmente fatais aumenta com o consumo prolongado de tabaco. Conheça os benefícios da cessação tabágica.

O consumo de tabaco aumenta o mau colesterol, reduz o bom colesterol, potencia o desenvolvimento de hipertensão arterial, faz rugas, provoca manchas nos dentes, torna as unhas amarelas, enfraquece o cabelo, causa mau hálito e favorece a formação de varizes.

De acordo com dados da Sociedade Americana do Cancro e dos Centros de Controlo e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos, após 20 minutos de cessação tabágica a pressão arterial e a frequência cardíaca voltam ao normal.

Após 12 horas, os níveis de monóxido carbono no sangue regressam aos padrões saudáveis.

Após 2 semanas a 3 meses sem fumar, o ser humano começa a respirar melhor e a sentir mais energia. A circulação sanguínea melhora.

Após 1 a 9 meses, há um aumento gradual do bem-estar geral, acompanhado de mais vitalidade. A tosse e a falta de ar diminuem e a respiração torna-se mais fácil.

Após 1 ano sem tabaco, o risco de doença coronária diminui para cerca de metade do observado nas pessoas que continuam a fumar.

Após 2 a 5 anos de cessação tabágica, o risco de acidente vascular cerebral diminui, ficando semelhante ao das pessoas que não fumam. O risco de cancro da boca, da garganta, do esófago e bexiga reduz-se para metade.

Após 10 anos sem tabaco, o risco de morrer de cancro do pulmão reduz igualmente para metade.

Ao fim de 15 anos de cessação tabágica, o risco de sofrer de doença coronária é igual ao de alguém que nunca fumou.

Se fumar, em média, um maço de cigarros por dia, gastará 30 a 35 euros por semana, 140 por mês, 1.680 por ano e 16.800 em 10 anos.

Está na hora de deixar de fumar, não acha?

Fique a saber que parar de fumar aos 30 anos, ganha 10 anos de esperança de vida, de acordo com um estudo sobre mortalidade no tabaco publicado em 2004 no British Medical Journal. Se o decidir fazer aos 40, já só ganha 9 anos. Aos 50, 6. E aos 60, cerca de 3. Mas vale sempre a pena deixar de fumar.

Na gravidez, parar de fumar tem benefícios não só para si, mas também para o seu bebé: aumenta a probabilidade de um parto normal, o bebé recebe mais oxigénio e deixa de estar exposto a substâncias tóxicas, o risco de parto prematuro decresce, assim como o de baixo peso do bebé.

Comentários