Liberte-se do vício da comida

O programa alimentar que a vai ajudar a fazer as pazes com a comida e a perder peso a sério. Logo a partir da primeira semana

Já se sabe que engordamos porque comemos mais do que aquilo que o nosso organismo precisa. Mas, afinal, porque o fazemos? Iara Rodrigues, nutricionista, não tem dúvidas. 

«A enorme maioria das pessoas com excesso de peso come por motivos emocionais», assegura. Quando estão em situação de stresse ou quando chegam a casa e estão sozinhas, é a comida que as consola.

Fome emocional

Quando as emoções controlam a vontade de comer, a fome é súbita e urgente. Muitas vezes, pede um alimento específico e a vontade não tem um fim. Acontece quando recorremos a alimentos, especialmente doces e gorduras, para encontrar algum conforto que compense a tristeza, as frustrações, a ansiedade, o sentimento de perda ou alguma inquietação. É um problema muito comum, que não afeta apenas pessoas obesas, mas nem sempre sabemos reconhecê-lo. E, mesmo que o percebamos, não conseguimos parar. No final, surge um novo sentimento, a culpa.

O que fazer para combater a fome emocional

Em primeiro lugar, deverá tomar consciência de que a comida é um vício na sua vida. Isso mesmo que leu, um vício, palavra cujo significado remete para um hábito que se repete e que causa algum prejuízo aquem o adota. Comer pode ser um vício na medida em que, tal como outros, provoca prazer, seguido de dor (culpa), sendo a dor mais longa e permanente do que o prazer. Mas, ao contrário de vícios como o tabaco ou o álcool, este não se vence deixando de comer. Deve, antes, tornar a comida sua aliada.

Vamos começar

Para perder peso de forma saudável vai precisar de continuar a comer. Só que de maneira diferente. Estes são alguns conselhos fundamentais:

- Não existem alimentos proibidos. Há, sim, alimentos que a fazem engordar mais e, por isso, terá de ajustar a quantidade e a frequência com que os consome.

- Se alguma vez comer um pouco demais, não desista. Retome o seu plano alimentar.

- Aposte na diversidade e encontre prazer em produtos que ainda não consome. A Dieta 1, 2, 3 vai ajudá-la.

- Opte por comer em menor quantidade e mais vezes (por exemplo, de três em três horas).

Como funciona

É composta por três passos, cada um tem uma duração variável, consoante o peso que quer perder:

- Primeiro passo
Desintoxicação que dura entre uma a duas semanas e permite um emagrecimento rápido. É a fase de motivação para iniciar o passo seguinte.

- Segundo passo
Plano rigoroso para emagrecer sem passar fome e que ajuda a adquirir hábitos saudáveis.

- Terceiro passo
Consolida os resultados e permite a transição para uma vida normal. Consoante a perda de peso o plano terá a duração de um mês (até 5 kg), um mês e meio (entre 5 a 10 kg ) ou dois meses (mais de 10 kg).

Lista de compras

Os alimentos que não devem faltar em sua casa:

Bebidas
Água (1 ½ litro por dia)
Chá, infusões ou tisanas
Café ou descafeinado

Laticínios
Leite magro (ou de soja, de arroz)
Iogurte magro (0% de açúcar e de gordura)
Queijo fresco magro (pequeno)
Triângulos de queijo magro

Fruta
Banana
Manga
Papaia
Meloa
Maçã
Pera
Pêssego
Nectarina
Dióspiro
Ananás/abacaxi
Laranja/tangerina
Clementina
Melão
Melancia
Alperces
Kiwis
Ameixas
Uvas
Morangos
Cerejas
Framboesas
Mirtilos

Legumes
Alface
Rúcula
Espinafres
Agrião
Canónigos
Salsa/coentros
Nabiças
Grelos
Cebola
Alho
Cenoura
Tomate
Nabo
Couves
Aipo
Beringela
Brócolos
Curgete
Pepino
Pimentos
Cogumelos
Rebentos de soja

Peixe
Pescada
Linguado
Dourada
Bacalhau
Salmão
Atum
Polvo

Frutos secos
Nozes
Bagas de goji

Outros
Ovos
Sementes de linhaça
Chocolate negro
Mel
Gelatina light
Canela
Carne
Peru
Frango
Coelho
Vaca
Fiambre de aves

Texto: Vanda Oliveira com Iara Rodrigues (nutricionista)

artigo do parceiro:

Comentários