Afinal o exercício físico ajuda (mesmo) a perder peso

Saiba como

Ainda há quem acredite que o exercício apenas ajuda a melhorar a silhueta, mas não emagrece nem contribui para uma perda de peso efetiva.

Na verdade, a prática de exercício produz um gasto energético que leva à perda de gordura e volume de forma total ou localizada, de acordo com o exercício que se fizer. Para obter bons resultados, é aconselhável combinar exercícios aeróbios, para diminuir a gordura acumulada, com outros específicos para tonificar os músculos.

Por exemplo, se quer perder barriga e se limitar a fazer exercícios abdominais, terá estes músculos fortes e duros, mas permanecerão escondidos debaixo do tecido adiposo (gordura). Para diminuir a gordura localizada nessa zona, deve realizar exercícios aeróbios, que, estes sim, ajudam a emagrecer.

O exercício cardiovascular aeróbio é muito eficaz porque eleva as batidas do coração e faz com quem o seu corpo use a gordura armazenada para produzir energia, o que ajuda a emagrecer. É possível queimar mais gordura com os exercícios de longa duração e pouca intensidade, como andar de bicicleta, correr, nadar ou dançar.

Quatro sessões de 45 minutos de actividade aeróbia por semana são suficientes. Um truque para ser constante é escolher um exercício de que goste, para não se deixar vencer pela falta de motivação.


Texto: Fernanda Soares
Revisão científica: Dra. Magda Roma (nutricionista)

artigo do parceiro:

Comentários