Acelga

Como escolher e conservar esta hortaliça rica em ferro e fibras

Riquíssima em fibra, ferro e água, é também uma fonte de beleza e juventude. Contém vitaminas C e E, essenciais para manter a pele jovem, cálcio e fósforo que mantêm o sorriso saudável e betacaroteno que evita os danos causados pelo envelhecimento.

Compre preferencialmente a acelga fresca, com folhas brilhantes e viçosas e com uma consistência firme.

Evite a acelga que apresente talos moles, folhas amareladas ou manchas escuras, pois estes são sinais de deterioração. Pode conservá-la no frigorífico, crua ou cozinhada, até três a quatro dias.

Se quiser congelá-la, deve mergulhar as suas folhas em água a ferver e, seguidamente, colocá-las num recipiente com água gelada, para interromper o cozimento. Reserve-as no congelador, num recipiente hermeticamente fechado.

4 ideias para comer acelgas:

- Em sopa com feijão branco

Junte as acelgas (finamente cortadas) e o feijão branco cozido a uma base de sopa com cebola, tomate, aipo, cenoura e curgete. Adicione folhas de salsa e manjericão e sirva.

- Como acompanhamento com arroz

Recheie tiras de acelgas (cozidas), com arroz, cebola e grão (cozidos) e enrole-as. Leve os rolos a ferver (durante cerca de 30 minutos) num tacho com água e tomate.

- Gratinadas com tomate e queijo

Leve os caules (cozidos) a gratinar (durante entre 3 a 5 minutos) no forno com tomate (salteado) e queijo ralado. Acompanhe com as folhas cozidas a vapor.

- Em esparregado

Coloque as acelgas (cozidas) num tacho com o azeite já quente, acrescente leite (cerca de uma chávena de chá) e farinha (2 a 3 colheres de sopa) e mexa tudo até ficar homogéneo.

Texto: Sofia Cardoso

artigo do parceiro:

Comentários