A ingestão de cogumelos ajuda o organismo a defender-se da gripe?

O naturopata João Beles responde a esta questão

Existem vários cogumelos que estimulam o sistema imunitário e alguns deles são mais indicados para prevenir e tratar a gripe, como é o caso do cogumelo-do-sol (agaricus blazei), do cordyceps e do maitake.

Estes possuem constituintes com ação imunoestimulante, especialmente polissacáridos que aumentam os linfócitos T, as células NK e os macrófagos, alguns dos polícias do nosso organismo contra vírus e bactérias.

Para além disso, aumentam a imunidade, ajudam a combater a gripe pois promovem o aumento da capacidade respiratória, funcionam como expetorantes e anti-inflamatórios das vias respiratórias. As dosagens são 500 mg, duas a seis vezes ao dia, consoante a gravidade da situação, sob a forma de comprimidos à venda em ervanárias.

Para complementar a ação destes fungos recomendo, na alimentação, o alho, o limão, os orégãos e o própolis. Pode, ainda, recorrer a plantas medicinais, especialmente a equinácea que, segundo estudos científicos, reduz a duração da gripe para metade dos dias. O sabugueiro (com uma forte ação na redução da febre) e o eucalipto (famoso pelo seu óleo essencial antibiótico que pode ser inalado por vaporizações) são outras das plantas recomendadas.


Revisão científica: João Beles (naturopata e professor no Instituto de Medicina Tradicional de Lisboa)

artigo do parceiro:

Comentários