Vem aí uma massa de ar polar. Temperaturas vão descer até 8 graus

As temperaturas vão descer até sexta-feira entre 04 a 08 graus Celsius devido a uma massa de ar polar, que vai provocar também um aumento da intensidade do vento, disse à Lusa a meteorologista Maria João Frada.

Em declarações à agência Lusa, a meteorologista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) disse que o dia de hoje ainda vai ser de céu pouco nublado ou limpo, com alguma nebulosidade matinal e vento moderado de noroeste durante a tarde, com temperaturas ainda agradáveis.

“No entanto, amanhã [quinta-feira] vamos ter uma alteração significativa do estado do tempo. Até ao início da manhã as temperaturas mantêm-se como estão hoje, mas gradualmente vamos começar a sentir uma descida da temperatura, sobretudo da máxima”, explicou.

Segundo Maria João Frada, também a partir do início da tarde está previsto um aumento da intensidade do vento, tornando-se moderado a forte no litoral e nas terras altas com rajadas da ordem dos 60 quilómetros por hora.

“Ou seja, durante a tarde de quinta-feira vamos ter mais frio do que de manhã. A temperatura máxima vai descer entre 02 e 04 graus, mas na sexta-feira a descida ainda será maior: entre 02 e 08 graus e atingirá às máximas e mínimas”, disse.

Sexta-feira muito fria

De acordo com a meteorologista, sexta-feira vai ser um dia muito frio, com uma descida da temperatura, vento forte no litoral oeste e nas terras altas com rajadas da ordem dos 70 quilómetros por hora.

“Na origem de tudo isto está a influência de um anticiclone que está a nordeste dos Açores que se estende em crista até ao território do continente. No entanto, a partir do final da manhã de quinta-feira, a crista vai estender-se até à Islândia e começamos a ter a entrada de uma massa de ar polar mais fria, mais seca, que vai passar a uma superfície frontal fria de fraca atividade”, explicou.

Veja ainda: 15 alimentos que tem de comer para não ficar de cama

Comentários