Seis distritos do continente sob aviso amarelo devido ao calor

Temperaturas deverão chegar aos 24 graus Celsius no Porto, 34 em Lisboa e 31 em Faro
31 de julho de 2013 - 08h27



Seis distritos de Portugal continental foram hoje colocados sob aviso amarelo, o segundo menos grave numa escala de quatro, devido às temperaturas elevadas, anunciou hoje o Instituto de Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).



Os distritos colocados em aviso amarelo até às 21:00 de hoje são a Guarda, Lisboa, Portalegre, Évora, Beja e Setúbal.



O aviso amarelo do IPMA significa que existe risco de praticar algumas atividades devido ao calor.



Para hoje, o IPMA prevê céu limpo, com alguma nebulosidade no litoral e com vento fraco durante a tarde na faixa costeira a sul do Cabo Mondego e na costa sul do Algarve.



O instituto estima ainda que se registe uma pequena subida das temperaturas, em especial nas regiões do interior Norte e Centro.



As temperaturas deverão chegar aos 24 graus Celsius no Porto, 34 em Lisboa e 31 em Faro.



Nas ilhas, a previsão aponta para céu nublado e alguns aguaceiros, com as temperaturas a variar entre os 18 e os 23 graus nos Açores e os 20 e 25 graus na Madeira.




Risco extremo de raios UV no Funchal



O Funchal apresenta hoje um risco extremo risco extremo de exposição à radiação ultravioleta (UV) enquanto o resto do país está quase todo com níveis muito altos, informa o IPMA.



De acordo com o IPMA, a população que estiver hoje no Funchal, na Madeira, deve evitar o mais possível a exposição ao sol até às 17:00, já que está sujeito ao nível mais alto (11) de risco de exposição aos raios UV.



Os níveis estão muito altos em quase todo o resto do país com destaque para as regiões de Coimbra, Évora, Guarda, Penhas Douradas, Portalegre, Porto Santo, Sagres, Sines e Viseu, onde o nível de risco chega aos dez.




Lusa
artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários