Sabonetes antibacterianos são tão eficazes como os normais

Os sabonetes antibacterianos - à base de triclosan, um ingrediente controverso - não são mais eficazes do que os sabonetes comuns para desinfetar as mãos, segundo estudo publicado numa revista especializada.
créditos: Pixabay

A equipa do médico Min-Suk Rhee, da Korea University, em Seul, analisou os efeitos do triclosan, o antisséptico mais presente nos sabonetes antibacterianos, sobre as bactérias.

Os investigadores, cujo trabalho foi publicado na revista The Journal of Antimicrobial Chemotherapy, testaram o componente químico em 20 tipos de bactérias e 16 voluntários adultos e compararam sabonetes comuns e antibacterianos em termos de eficácia na hora de livrar as mãos de bactérias.

Os cientistas expuseram as bactérias ao triclosan durante 20 segundos a 22.º C e a uma temperatura mais quente, recriando as condições de uma lavagem de mãos na vida quotidiana em laboratório.

Para os testes, os investigadores utilizaram uma concentração de triclosan a 0,3% - máximo autorizado na União Europeia, Canadá, Austrália, China e Japão, segundo Rhee.

Uma semana de testes

Os voluntários, após passarem uma semana sem recorrer aos sabonetes antibacterianos antes dos testes comparativos, lavaram as mãos com cuidado durante 30 segundos com os dois tipos de sabão e enxaguaram-nas com água muito quente. 

Comentários