Resultados das análises ao foco de legionella conhecidos hoje

O diretor geral da Saúde anunciou que os resultados das análises que determinarão a fonte do surto de legionella poderão ser conhecidos esta quinta-feira e lembrou que desde domingo que a população não corre riscos na zona afetada.
créditos: MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Francisco George falava aos jornalistas à margem da apresentação do relatório do programa Nacional para as Doenças Cérebro Cardiovasculares 2014.

De acordo com o diretor geral da Saúde, os resultados das análises que determinarão a fonte do contágio poderão ser conhecidos até às 24:00 de hoje.

“Os resultados são conhecidos muito em breve”, avançou.

Francisco George disse esperar que estes resultados demonstrem uma relação causal, mas recorda que há muitos surtos em que essa relação não foi possível estabelecer.

De acordo com este diretor geral, a partir de quinta-feira deverá parar o aparecimento de novos casos, precisamente dez dias desde o encerramento das torres de arrefecimento.

Segundo Francisco George, desde domingo – altura em que as torres de arrefecimento foram encerradas – que a população da zona de Vila Franca de Xira não corre mais perigo de infeção, recordando que as mesmas foram “fechadas à luz do princípio da precaução”.

A população deixou de “correr riscos a partir do momento do encerramento das torres”, que foi no domingo à noite, adiantou.

A ‘legionella’, que provoca pneumonias graves e pode ser mortal, foi detetada na sexta-feira, no concelho de Vila Franca de Xira, tendo provocado cinco mortos – estando mais quatro a aguardar confirmação – e 302 casos de infeção.

A doença do legionário, provocada pela bactéria ‘Legionella pneumophila’, contrai-se por inalação de gotículas de vapor de água contaminada (aerossóis) de dimensões tão pequenas que transportam a bactéria para os pulmões, depositando-a nos alvéolos pulmonares.

artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários