Proteção Civil alerta para riscos para a saúde com temperaturas acima dos 35º

Temperaturas muito quentes vão manter-se no interior do país até pelo menos quarta-feira

15 de julho de 2014 - 04h00

A Proteção Civil emitiu hoje um aviso à população a alertar para os riscos do calor, face às previsões que apontam para temperaturas máximas superiores a 35º centigrados na terça e quarta-feira, em particular nos distritos do interior.

A Autoridade Nacional de Proteção Civil Proteção Civil recomenda aos grupos populacionais mais vulneráveis (idosos e crianças, sem-abrigo e pessoas com problemas cardiorrespiratório) que adotem medidas como: beber mais água, evitar o consumo de álcool, evitar atividades que exijam grande esforço físico, evitar exposição solar direta entre as 11h00 e as 17h00 horas, usar protector solar com fator igual ou superior a 30 e viajar de carro nas horas de menor calor.

Também a Direção-geral de Saúde faz 10 recomendações para os dias de maior calor.

A Proteção Civil salienta ainda que existirão condições favoráveis à progressão de eventuais incêndios florestais e aumentou o nível de prontidão do Sistema Integrado de Operações de Socorro (SIOPS) para os distritos de Bragança, Vila Real, Viseu, Guarda, Castelo Branco, Santarém, Portalegre, Évora, Beja e Faro, entre as 08h00 de 15 de julho e as 08h00 de 17 de julho.

A Proteção Civil recorda que é proibido fazer queimadas ou fogueiras, queimar mato, fumar ou fazer lume em espaços florestais e fumigar apiários com fumigadores que não estejam equipados com dispositivos de retenção de faúlhas.

Por Lusa

artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários