Praias do Algarve são as únicas com postos conjuntos da Cruz Vermelha e da ARS

32 postos de saúde darão assistência aos problemas clínicos dos veraneantes

As praias do Algarve são as únicas onde a Administração Regional de Saúde e a Cruz Vermelha vão abrir em conjunto postos de saúde este ano, disse à Lusa o responsável da Cruz Vermelha Rogério Costa Pereira.

Apesar de no ano passado, os postos de praia terem incluído outras praias de grande afluência, como Vila Nova de Milfontes e Zambujeira do Mar, em 2011 só os concelhos do Algarve contam com este benefício.

“No ano 2010 estiveram abertos mais dois postos de praia nas localidades de Vila Nova de Milfontes e Zambujeira do Mar, não existindo, até ao momento, a garantia da abertura em 2011”, afirmou o responsável pelo Planeamento e Coordenação de Emergência da Cruz Vermelha.

Este ano, “outras estruturas da Cruz Vermelha, mais a norte, tentaram - através das Administrações Regionais de Saúde – [acordar a abertura de outros postos] mas não houve a necessidade, não sei se por questões orçamentais ou por questões de resposta”, avançou.

“O Algarve acaba por ser o lugar onde acorrem mais pessoas no país e há uma aposta”, acrescentou.

Na próxima sexta-feira 32 postos de saúde vão abrir nas praias do Algarve para cuidar de problemas clínicos dos veraneantes e no âmbito do "Plano de verão 2011" organizado pela ARS e a Cruz Vermelha.

De acordo com esta instituição, os postos de saúde atenderam, em 2010, 38.437 pessoas (uma média de 17 pessoas por posto), sendo que um terço era residentes locais.

“O posto está dotado de material e equipamentos que permitam também apoiar as populações locais nalgumas praias isoladas, como por exemplo Monte Clérigo, que é uma localidade pequena no concelho de Aljezur”, disse Costa Pereira.

Os atendimentos mais frequentes nestes postos de enfermagem são tratamentos a feridas e lesões, mas também são feitas avaliações ao estado de saúde dos utentes nomeadamente medindo a tensão arterial e glicemias capilares.

“É também muito frequente os enfermeiros efetuarem o despiste de situações mais graves, diminuindo a afluência às unidades de saúde”, referiu o responsável.

Os postos de saúde de praia funcionarão 10 horas diárias (10:00 às 20:00), desde 01 de julho até 31 de agosto.

No final do verão (13 postos manter-se-ão abertos até 15 de setembro), os postos serão encerrados, “até porque a sua atividade é desenvolvida em espaços de concessionários, municípios e freguesias”, concluiu.

29 de junho de 2011

Fonte: Lusa

Comentários