O vinho tinto pode aumentar a testosterona

Dois estudos tinham revelado que chá verde e chá branco também inibem a excreção da hormona
14 de janeiro de 2013 - 17h49 

Um composto do vinho tinto pode aumentar os níveis de testosterona porque inibe o corpo humano de eliminar esta hormona, revelou um estudo britânico publicado no Nutrition Journal.
Cientistas da Universidade de Kingston, em Londres, descobriram que a quercetina, um composto do vinho tinto, bloqueia a UGT2B17, uma enzima que anexa moléculas específicas à hormona e que obriga o corpo humano a expulsar alguns níveis de testosterona.
Declan Naughton, cientista que liderou a investigação, salienta que a investigação foi apenas realizada em tubos de ensaio e que ainda tem de ser testada em seres humanos. 
"É necessário um estudo clínico completo para determinar os efeitos sobre as pessoas, mas, se os mesmos resultados foram encontrados, podemos afirmar que compostos no vinho tinto podem reduzir a quantidade de testosterona na urina e dar um impulso nos níveis de testosterona", frisou, citado pelo ScienceDaily.
A provar-se a teoria, o especialista acrescenta que o efeito do vinho tinto no corpo humano variaria consoante o sexo, peso, saúde e dieta da pessoa, o que tornaria difícil estimar que quantidades seriam suficientes para melhorar o desempenho de um desportista, por exemplo. 
Outros dois estudos anteriores já tinham revelado que o chá verde e o chá branco também inibem a excreção de testosterona pelo corpo humano.

Por SAPO Saúde
artigo do parceiro: Nuno de Noronha

Comentários