Ministério da Saúde injeta 425,6 milhões de euros em 19 hospitais-empresa

Operação já estava prevista e visa tirar aquelas unidades do estado de falência técnica

2 de janeiro de 2013 - 07h33

O Ministério da Saúde (MS) anunciou que na quarta-feira realizou o aumento de capital de 425,6 milhões de euros em 19 hospitais-empresa, por conversão de dívidas em capital.

Esta operação, que visa tirar aquelas unidades do estado de falência técnica, levará a um perdão de juros de 25 milhões de euros anuais, segundo a nota publicada no Portal da Saúde.

O MS informa que a injeção dos 425,6 milhões de euros “visa melhorar a situação líquida dos hospitais, vai contribuir para regularizar a dívida dos mesmos e insere-se nas medidas de reforma hospitalar com vista à sustentabilidade do Serviço Nacional de Saúde”.

O comunicado dá o exemplo o Centro Hospitalar de Setúbal que “terá um aumento de capital de 73 milhões de euros e, consequentemente, uma redução de cinco milhões de euros em juros, o que lhe permitirá atingir o equilíbrio, em termos de resultados líquidos”.

Isto “não acontecia há dez anos”, sublinha o MS.

SAPO Saúde

artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários