Linha Saúde 24 vai passar a contactar idosos

Serviço vai fazer acompanhamento de pessoas que vivem isoladas ou institucionalizadas
26 de março de 2014 - 12h22



A linha Saúde 24 vai passar a contactar idosos que possam viver em situações de isolamento e necessidade de cuidados de saúde, anunciou hoje no parlamento o ministro Paulo Macedo.



No próximo mês, a linha Saúde 24 vai ter em funcionamento um serviço específico de atendimento a idosos, estando previsto um acompanhamento de pessoas que vivem isoladas ou institucionalizadas.



O ministro da Saúde adiantou que, neste âmbito, a linha vai ter uma nova função, além de se limitar a receber chamadas, que é a de “fazer chamada de sua iniciativa”.



Paulo Macedo esclareceu que atualmente a Linha Saúde 24 recebe mais de sete mil chamadas, o que se traduz em 95% de chamadas atendidas, valor que está dentro dos limites contratuais e que “está preparada para responder a novas funções, nomeadamente fazendo chamadas de sua iniciativa, não se limitando a atender”.



Esta funcionalidade deverá estar a funcionar em abril, tendo acesso a ela pessoas que se inscrevem em termos de isolamento, para serem contactados por parte da linha e terem apoios de saúde.



Por outro lado, podem ter contacto com a linha também por sua iniciativa, acrescentou, sublinhando que este serviço é importante não só para pessoas isoladas, mas também para pessoas internadas em lares.



Lusa
artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários