Homens com excesso de peso produzem esperma com pior qualidade

Homens com excesso de peso ejaculam menos sémen e com menor concentração

3 de janeiro de 2013 - 07h01

Os homens acima do peso produzem esperma de qualidade inferior ao produzido por homens magros. As conclusões são de um estudo conduzido por cientistas da Universidade de Stanford e do Instituto Eunice Kennedy Shriver, nos Estados Unidos. A investigação foi publicada no jornal científico Human Reproduction.

Foram analisados mais de 500 casais e os homens tinham, em média, 31 anos e um Índice de Massa Corporal de 29,8 pontos e uma circunferência abdominal de 100,8 centímetros. Durante o ato sexual, os homens com excesso de peso ejaculavam um volume de esperma menor e com menor concentração de espermatozóides.

"O líquido da ejaculação tem diversas substâncias que criam um ambiente seguro aos espermatozóides. Portanto, se esse líquido é parco, isso pode ser um problema", disse o investigador Michael Eisenberg, um dos condutores do estudo, em entrevista à Reuters.

SAPO Saúde com agências

Leia também:

+ Atividade física ajuda a proteger a fertilidade masculina

+ Bastam quantidades de agentes poluentes muito baixas para afetar a fertilidade masculina

artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários