Fernando Serrano é a cara do desafio “Não se Conforme! Comece a Libertar-se!”

A actriz desafia portugueses a diminuirem a sensação de barriga inchada

Cerca de 39por centodas mulheres portuguesas sofre de distúrbios intestinais relacionados com sintomas como a sensação de barriga inchada, mas destas apenas 24 por centolhe atribuem real importância. Face a esta realidade, Fernanda Serrano, em conjunto com Activia, lança aos portugueses o desafio “Não se Conforme! Comece a Libertar-se!”.

O desafio tem como objectivo promover a saúde intestinal e ajudar na redução da sensação de barriga inchada, um dos sintomas intestinais que afecta a maioria da população nacional. Pretende-se demonstrar que todos podem ser afectados pelo desconforto intestinal e sensação de barriga inchada, mas que podem ajudar a resolvê-los de forma simples e totalmente natural.

Esta iniciativa conta também com a participação da Sociedade Portuguesa de Endoscopia Digestiva (SPED), cujo objectivo se prende com a missão de alertar a população portuguesa para os problemas da saúde digestiva e intestinal. De facto, as principais causas para este tipo de perturbações estão normalmente associadas aos elevados níveis de stress e aos maus hábitos alimentares.

Os principais sintomas associados são a dor abdominal, a sensação de barriga inchada e a prisão de ventre, entre outros. Mas, ao contrário do que a maioria das pessoas assume, é relativamente simples começar a cuidar da saúde intestinal, o primeiro passo para combater as perturbações intestinais mais simples, é adoptar um estilo de vida saudável com a prática de actividade física e uma dieta equilibrada.

Por esta razão, a actriz Fernanda Serrano, lança hoje este desafio aos Portugueses: aprender a cuidar a sua própria saúde intestinal. "Não se Conforme. Comece a Libertar-se!” é a designação de um conjunto de iniciativas dirigidas ao público que serão implementadas ao longo de 2011 e que se caracterizam por saber auto-avaliar o estado da saúde intestinal e implementar hábitos simples, rápidos e naturais de a promover proactivamente, através da implementação de ferramentas online como o facebook e vídeo didáctico ou realização de diversas iniciativas dirigidas ao público final.

Fernanda Serrano, a cara deste desafio lançado aos Portugueses, afirma que “em algum momento da vida, todos podemos ter algum tipo de distúrbio intestinal e, na maioria das vezes, não sabemos lidar com ele porque não o assumimos realmente como problema. Mas a verdade é que ele afecta uma boa parte da população, em especial mulheres e, como mulher, decidi associar-me e dar o meu contributo para alertar as portuguesas e dizer-lhes que não se devem conformar.”

19 de janeiro de 2011

Fonte: Tinkle

Comentários