Detetado vírus da poliomielite no Brasil, alerta OMS

Vírus encontrado tem potencial "alto" de transmissão, avisa Organização Mundial de Saúde

24 de junho de 2014 - 15h25

A Organização Mundial de Saúde (OMS) divulgou que um dos vírus causadores da poliomielite foi encontrado no aeroporto de Viracopos, em Campinas, interior de São Paulo, divulgou hoje a imprensa brasileira.

O poliovírus selvagem tipo 1 foi encontrado em amostras de esgoto recolhidas pela Companhia de Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), no mês de março.

A OMS, agência das Nações Unidas para a Saúde, divulgou que a amostra é semelhante a outra encontrada na Guiné Equatorial, mas que tem um risco "muito baixo" de se espalhar internacionalmente.

O vírus encontrado na Guiné Equatorial tem potencial "alto" de transmissão, segundo um comunicado divulgado em maio pela OMS, mas não foi registada nenhuma pessoa infetada com o vírus.

O Ministério da Saúde do Brasil, citado pelo jornal "O Globo", informou que a deteção do vírus no aeroporto de Viracopos é "ocasional" e que uma amostra recolhida em abril no mesmo local não registou a presença de vírus.

A poliomielite foi considerada erradicada no Brasil em 1994. Para monitorizar a presença de vírus, são recolhidas frequentemente amostras para análise.

A poliomielite é uma doença do sistema nervoso, causada por um vírus, que pode provocar paralisia permanente. Trata-se de uma doença que pode levar à morte caso afete os músculos envolvidos no processo respiratório, situação que ocorre entre cinco a dez por cento dos casos, de acordo com dados da OMS.

Por SAPO Saúde com Lusa

artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários