Crianças de países pobres imunizadas contra pneumonia

Nova vacina pode salvar mais de meio milhão de vidas por ano

Uma nova vacina contra a pneumonia está a ser desenvolvida em África, que, segundo os responsáveis, pode salvar mais de meio milhão de vidas por ano, em todo o mundo. A Gavi Alliance, uma parceria global entre os sectores público e privado para a imunização, afirmam que 19 países vão receber a vacina numa primeira fase, noticia a edição online da BBC, citada pela agência Lusa.

As crianças do Quénia e da Nicarágua já começaram a ser imunizadas, sendo a Serra Leoa, o Iémen, as Honduras e o Gana os próximos a recebê-la ainda este ano. A vacina para a pneumonia protege contra a doença pneumocócica, a principal causa de pneumonias graves entre a população infantil, prevenindo também a meningite e a septicemia.

De acordo com a notícia, a pneumonia mata mais crianças do que qualquer outra doença, causando a morte a cerca de 1,7 milhões todos os anos. A organização Save the Children publicou recentemente um relatório, “No Child Born to Die”, em que evidencia a falta de meios financeiros para a imunização global.

No documento, Catherine Fitzgibbon, da Save the Children, alerta para o facto de muitas crianças estarem a morrer todos os dias de doenças que podem ser prevenidas com vacinação e por falta de cuidados básicos de saúde.

27 de janeiro de 2011

Fonte: ALERT

Comentários