Contagem decrescente: Faltam 150 dias para Dia do Aneurisma da Aorta Abdominal

Faltam menos de cinco meses para o reconhecimento oficial do dia 24 de Novembro como o Dia Nacional do Aneurisma da Aorta Abdominal. Cerca de mil portugueses já se juntaram a esta causa e assinaram a petição que visa institucionalizar a data.

A petição pretende alertar a população, a classe médica e as entidades governamentais para a importância do diagnóstico precoce dos aneurismas da aorta abdominal, uma patologia que afeta cerca de 700 mil pessoas na Europa Ocidental.

Segundo João Albuquerque e Castro, cirurgião vascular e coordenador nacional da campanha,  “apesar de verificarmos que actualmente os portugueses estão mais informados sobre a patologia, consideramos essencial a criação do Dia Nacional dos Aneurismas da Aorta Abdominal e o desenvolvimento de mais iniciativas de informação para que se verifique uma mudança de comportamento em relação a esta doença silenciosa”.

O cirurgião reforça que “pretendemos através destas iniciativas sensibilizar profissionais de saúde, líderes de opinião e toda a população portuguesa para a importância do diagnóstico precoce desta doença e acompanhamento regular dos aneurismas da aorta abdominal”.

O aneurisma da aorta abdominal consiste numa dilatação localizada e permanente da aorta, a maior artéria do organismo, e é o mais frequente dos aneurismas arteriais, sendo uma das causas de morte súbita. Estima-se que 80 milhões de pessoas, na Europa, com 60 ou mais anos, estejam em risco de ter um aneurisma da aorta abdominal.

Consulte a petição e assine em www.aortaevida.com

01 de julho de 2011

Fonte: SAPO/Youngnetwork

Comentários