Alunos de Medicina da Covilhã promovem ação de reflorestação na Serra da Estrela

O MedUBI - Núcleo de Estudantes da Medicina da Universidade da Beira Interior - promove na quinta-feira uma ação de reflorestação na Serra da Estrela, na qual devem participar cerca de 100 pessoas.

Em declarações à agência Lusa, Marta Bernardo, presidente do núcleo, explica que a iniciativa contará com a colaboração do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e que é aberta à comunidade em geral.

"Temos as inscrições abertas e não queremos que seja uma ação em que só participem os alunos de Medicina ou os estudantes da UBI [Universidade da Beira Interior]. Esperamos que todos aqueles que possam se juntem a nós neste contributo para melhorarmos a nossa serra", referiu.

Marta Bernardo explicou que a ideia de apostar na realização de uma ação de preservação da natureza surgiu, primeiro da consciência ambiental destes estudantes, bem como daquilo que o MedUBI considera ser "a responsabilidade social da comunidade estudantil" e a "necessária interação e envolvimento com a comunidade em geral".

"A Covilhã é a cidade que nos acolhe e esta é mais uma forma de retribuirmos o que a cidade nos dá. Fazemo-lo de outras formas, como por exemplo nos rastreios de saúde gratuitos, mas tendo em conta a importância que a Serra da Estrela tem para todos optámos por alargar a área de ação", sublinhou.

De acordo com esta responsável, a iniciativa também integrará trabalhos de limpeza de caminhos, sendo que a área a reflorestar e a espécie escolhida (400 carvalhos) foram definidas pelos técnicos do ICNF.

"Do ponto de vista técnico, e porque é aí que reside o conhecimento de como fazer bem as coisas, a ação será coordenada pelo ICNF, que também doou as árvores. Nós comprometemo-nos a promover a sensibilização a disponibilizar a 'mão-de-obra' e o transporte", especificou.

artigo do parceiro: Nuno de Noronha

Comentários