Açores é a única região do país onde as interrupções voluntárias da gravidez aumentaram

Foram realizadas mais de 18 mil interrupções voluntárias de gravidez no país em 2012
18 de fevereiro de 2014 - 09h55



As interrupções voluntárias da gravidez (IVG) nos Açores têm aumentado nos últimos anos, não acompanhando a tendência para a “estabilização” e “redução” verificada a nível nacional.



Segundo dados do serviço regional de saúde dos Açores, houve 177 casos de IVG em 2008, 164 em 2009, 178 em 2010, 204 em 2011 e 223 em 2012. Em 2013, os valores disponíveis são apenas até junho e apontam para 106 IVG na região em seis meses.



A nível nacional, de acordo com o mais recente relatório, referente a 2012, da Divisão de Saúde Sexual, Reprodutiva, Infantil e Juvenil da Direção-Geral da Saúde, "em 2010 e 2011 assistiu-se a uma estabilização do número de IG [interrupções voluntárias] realizadas e em 2012 a uma redução de 7,6% relativamente ao ano de 2011".



Em termos de valores totais, foram realizadas 18.924 interrupções de gravidez no país em 2012, 97,3% das quais IVG.



Dos 223 abortos voluntários feitos por mulheres residentes nos Açores em 2012, apenas 142 foram realizados na região, no hospital de Ponta Delgada, em São Miguel, o único que presta atualmente esta resposta no arquipélago e onde existem dois especialistas e dois internos que não praticam objeção de consciência.



Entre 2007 e 2010, as IVG foram realizadas somente no Hospital da Horta, no Faial, tendo sido repartidas, em 2011, com a unidade hospitalar de São Miguel que, desde 2012, assume sozinho este serviço, sendo as utentes das restantes duas unidades (54 da ilha Terceira e 25 da Horta) encaminhadas para o serviço público e privado no continente.



Desemprego como fator



O obstetra do hospital de Ponta Delgada e membro da direção nacional da Associação para o Planeamento da Família (APF), Pedro Cosme, disse à Lusa que o desemprego e a maior acessibilidade à IVG estão a associados aos números registados nos Açores nos últimos anos.

Comentários