16% da população mundial pode sofrer de perda auditiva em 2015

GAES – Centros Auditivos promove 14ª Campanha Nacional Contra a Perda Auditiva
27 de agosto de 2014 - 15h11



Segundo a Organização Mundial de Saúde, 360 milhões de pessoas sofrem de algum tipo de perda auditiva, um número que deve chegar a 16% da população mundial em 2015. Com o objetivo de sensibilizar os Portugueses para esta problemática, a GAES – Centros Auditivos promove, entre 1 de setembro e 31 de outubro, a 14ª Campanha Nacional Contra a Perda Auditiva.



A iniciativa decorre nos centros GAES existentes em todo o país. Para participar, basta deslocar-se a um dos 25 centros para realizar uma avaliação auditiva completa, totalmente gratuita, de modo a aferir a sua capacidade auditiva. Esta oferta é extensível a todos os que visitem um centro auditivo GAES, e aos seus familiares e/ou amigos, com idade superior a 16 anos.



“A falta de audição afasta-nos da família e amigos, impõem-nos limitações na nossa profissão e não nos permite desfrutar ao máximo da vida. Por isso, é muito importante prevenir, reduzindo, por exemplo, o tempo de exposição a ruídos e realizar um rastreio auditivo completo, anualmente, em particular a partir dos 55 anos.”, comenta Dulce Martins Paiva, Diretora Geral da GAES – Centros Auditivos em Portugal.



Estudos realizados recentemente demonstram que as pessoas que sofrem de perda auditiva se tornam mais introvertidas e se isolam no seu meio, devido à dificuldade de acompanhar conversas e de comunicar com as pessoas que lhes são mais próximas.



Por SAPO Saúde com Lusa
artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários