Exercício em segurança

Se tomou a decisão de praticar exercício e ter um estilo de vida mais saudável, usufruindo assim de todos os benefícios da atividade física, parabéns! Está no caminho certo, mas tenha atenção aos riscos inerentes.

Se tomou a decisão de praticar exercício e ter um estilo de vida mais saudável, usufruindo assim de todos os benefícios da atividade física, parabéns! Está no caminho certo.

O exercício físico é cada vez mais importante para a nossa saúde. Inúmeros estudos científicos comprovam que os seus benefícios são vastos e que podem melhorar a nossa qualidade de vida, mas o exercício também pode ser perigoso e prejudicial para a saúde, especialmente se for inexperiente ou se o sedentarismo for seu parceiro.

É importante saber quais os riscos envolvidos na prática de atividade física, o que devemos fazer antes de iniciarmos qualquer atividade e como devemos minimizar os riscos de contrair lesões.

Precauções antes de começar

A primeira atitude a tomar é consultar o seu médico para perceber se sofre de alguma condicionante para a práticade exercício físico (diabetes, hipertensão, entre outras). O exercício pode ser uma forma de tratamento de certas patologias mas há que o praticar da forma mais adequada.

Como começar 

Muitas lesões acontecem devido à pouca precaução dos seus praticantes, tenha especial atenção a:

- O calçado que utiliza deve ser confortável e capaz de providenciar um suporte para o tipo de atividade que vai realizar. Se a sua vontade é realizar caminhadas o tipo de calçado indicado é diferente do que se quiser praticar aulas de dança.

-  Roupa apropriada. Certifique-se que a roupa que usa absorve o suor e remove-o da pele, o algodão é sempre uma boa escolha. As senhoras devem ter especial atenção ao soutien, que deve ser desportivo promovendo maior estabilidade.

- Lembre-se sempre da regra de ouro de segurança no exercício. Comece devagar, e aumente a intensidade e duração de forma gradual.

Quando parar - Sinais de alarme

Um certo desconforto durante o exercício físico é perfeitamente normal e que não pode ser evitado, pois está a desafiar o seu corpo a mover-se mais do que está acostumado. Pode ainda esperar algumas dores musculares depois de um treino mais intenso, mas dores agudas e outros sintomas que ocorram durante o exercício podem ser sinal de algum risco.

Deve parar imediatamente o exercício se:

- Sentir-se tonta ou doente

- Sentir suores frios

- Reparar que o seu coração bate de forma bastante acelerada mas com um ritmo irregular

- Sentir dores agudas nas articulações, ossos ou músculos

Se sente algum destes problemas durante o treino, é melhor abrandar. Permita o seu coração baixar o ritmo de forma gradual e não de forma abrupta e volte a consultar o seu médico.

Uma grande parte da segurança no exercício é a sua prevenção. Se o seu corpo estiver bem alimentado, hidratado e confortável está mais prevenido.

Aprenda a conhecer melhor o seu corpo e os sinais que ele lhe transmite para praticar exercício físico de forma segura e tornar-se ainda mais saudável.

Saiba ainda como minimizar as dores musculares

artigo do parceiro:

Comentários