O que os Corn Flakes e sexo têm em comum?

O que a maioria das pessoas desconhece quando olha para a sua taça de cereais logo pela manhã, é a origem destes famosos cereais.

Estes são um dos cereais mais conhecidos e utilizados para um pequeno almoço saudável. O que a maioria das pessoas desconhece, quando olha para a sua taça de cereais logo pela manhã, é a sua origem..

John Harvey Kellogg, o criador deste cereal no final do século XIX, pretendia inicialmente criar uma refeição matinal rápida e que funcionasse como anti masturbação, de acordo com a Floss Mental.

O Sr. Kellogg, um médico celibatário, que, apesar de casado, dormia num quarto separado do da sua mulher, estava desconfortável sobre o sexo e acreditava que a masturbação não era saudável para o corpo e mente.

A sua crença era tal que ao invés de engravidar a sua mulher adoptou os seus filhos. Era contra o sexo e, mais ainda, contra a masturbaçãol

No seu livro “Factos simples para jovens e velhos” descreve 39 sintomas causados pela masturbação que incluiam epilepsia, acne, má postura, rigidez articular, fraqueza, falta de desenvolvimento e palpitações.

Enquanto trabalhava como médico no Sanatório de Battle Creek, em Michigan, desenvolveu uma gama de pequenos-almoços que acreditava impedirem as pessoas de darem prazer a si mesmos.

Na sua opinião, a carne ou alimentos ricos em sabor estavam associados a um aumento do desejo sexual, enquanto os alimentos mais claros e com menos sabor, ajudavam na purificação do corpo e mente.

Assim, o Sr. Kellogg desenvolveu uma gama de cereais simples, incluindo flocos de milho, que supostamente iriam diminuir o desejo de masturbação.

Constituiu uma parceria com o seu irmão, um empresário, que mais tarde acrescentou açúcar aos flocos de milho e fundou a Kellogg Company. O médico acabou por renunciar a esta receita e os irmãos ficaram de costas voltadas durante décadas.

artigo do parceiro:

Comentários