Sabe o que o é o Brulhão?

Nos dias 17 e 18 de maio, a festa está de visita à freguesia de Vales do Rio (Covilhã), para um festival impróprio para vegetarianos, dedicado a uma especialidade beirã quase desconhecida.

Lava-se bem o bucho da cabra e recorta-se em pequenos sacos. Num alguidar junta-se pedaços de carne de porco, arroz, chouriço e tomatada. Tempera-se com alho, cebola, louro, vinho branco, colorau e, principalmente, serpão, uma variedade de tomilho endógena da Beira Interior que lhe confere um gosto único. Enche-se os sacos e leva-se a cozer durante uma hora. Corta-se em fatias grossas e serve-se.

O Brulhão, especialidade típica da Beira Interior, é raramente encontrado à venda, uma vez que a produção caseira e familiar rapidamente se esgota. A receita é passada de mãe para filha (embora também existam casos de pais e filhos) e é tradicionalmente servida por altura do Santo António.

A pequena freguesia de Vales do Rio volta a organizar o FestiVales, um fim-de-semana gastronómico dedicado ao Brulhão que também inclui animação de rua, jogos tradicionais e muita folia. A organização estima servir mais de 1500 quilos de Brulhão por estes dias.

O interesse por descobrir e registar a história deste petisco beirão já permitiu o lançamento de um livro (Brulhão, Sabor da Tradição, 2013) e projeta abrir em breve a Casa do Brulhão, onde os visitantes poderão, eles próprios, executar a receita e conhecer os ingredientes típicos da região.

Ana César Costa

artigo do parceiro:

Comentários