Porto - Festival propõe dez dias com as melhores francesinhas

Francesinha especial, com ou sem ovo, em pão de cruz, com carne assada ou bife, de carnes brancas e até em versão vegetariana. A 3ª edição do Francesinha na Baixa apresenta duas dezenas de propostas, a partir de 2 de outubro, no Porto (Praça D. João I). Cinco cervejarias, numa programação que contempla ainda cervejas artesanais e sessões de cozinha ao vivo.

Em funcionamento contínuo ao ritmo de 12 horas diárias, BB Gourmet, Capa Negra, Cufra, Porto Beer e Santiago apresentam francesinhas, com valores entre os 8,00 euros e os 12,00 euros, entradas, sobremesas e menus infantis, que facilitam uma visita em família.

Das versões mais tradicionais, que tornaram o pitéu portuense famoso desde os anos 50 do século XX, até elaborações de perfil mais contemporâneo, são várias as possibilidades de escolha.

E tal como é reconhecido pela generalidade dos apreciadores, a melhor harmonização com francesinha é mesmo a cerveja. Por isso, no Francesinha na Baixa será possível degustar o cardápio de cervejas Super Bock, das originais à nova coleção de cervejas artesanais SUPER BOCK Selecção 1927.

O festival vai ainda desafiar conhecidos chefes de cozinha a apresentarem uma francesinha de autor. Em sessões de cozinha ao vivo, que decorrerão sempre pelas 21h30, Hernâni Ermida (dia 3, popularizado pelas várias intervenções televisivas e em publicações especializadas), Luísa Ginoulhiac (dia 4, autora do blogue “No Mundo de Luísa”), Arnaldo Azevedo (dia 10, chefe de cozinha do Hotel Teatro, Porto) e Luis Américo (dia 11, restaurantes Mercado, Porto, e Forneria S. Pedro, Gaia) vão reinterpretar a francesinha.

Nesta 3ª edição, Francesinha na Baixa contará mais duas novidades. No espaço “Portugal Sou Eu” da CAP – Confederação dos Agricultores de Portugal, haverá aulas de cozinha com produtos nacionais. E para prolongar a sensação de verão, os gelados Santini estarão no festival, com uma carta capaz de refrescar diferentes palatos.

Esta é a derradeira etapa dos festivais SUPER GASTRONÓMICOS, que a Super Bock e a EV-Essência do Vinho têm promovido pelo país (Lisboa, Setúbal, Leiria, Vilamoura e Bragança) ao longo deste ano.

O festival inaugura quinta-feira, pelas 19h00, e nos restantes dias, até 12 de outubro, decorrerá das 12h00 às 24h00. A entrada tem um custo de 3,00 euros e inclui a oferta de uma cerveja Super Bock original. De segunda a sexta-feira, no período das 12h00 às 17h00, a entrada é livre.

Comentários