Migas "reinam" em fevereiro nas ementas de restaurantes de Mora

As migas, confecionadas das mais variadas formas, vão “dominar” as ementas de 12 restaurantes do concelho de Mora, em fevereiro, num evento em que devem ser servidas “mais de cinco mil doses” daquele típico prato alentejano.
créditos: CC

Trata-se da 2.ª edição do Mês das Migas em Mora, uma iniciativa promovida, ao longo de todo o mês de fevereiro, pela câmara municipal daquele concelho do distrito de Évora.

Baseado nos números da primeira edição do certame, no ano passado, o município informou hoje que, no global, os restaurantes aderentes esperam servir “mais de cinco mil doses de migas”.

Segundo a autarquia, o evento contempla a inclusão nas ementas dos “mais variados pratos” de migas, sejam as de espargos ou de batata, passando pelas de coentros, ovas, enchidos, couve-flor e também migas de tomate, entre outras.

Com esta 2.ª edição, o objetivo da câmara passa por “reforçar a projeção de Mora”, tornando-a “numa referência através da aposta no melhor que se faz no concelho, neste caso a gastronomia”.

As migas são “uma parte grande da nossa dieta e um prato muito procurado por quem vem ao concelho”, frisou à agência Lusa o presidente do município, Luís Simão.

“Não vale a pena inventar nada. Temos é que valorizar o que temos cá e a gastronomia é uma das nossas riquezas”, justificou também o presidente da câmara.

Na iniciativa, realçou a autarquia, participa “a totalidade dos restaurantes do concelho”.

“O Poço”, de Brotas, “A Palmeira”, “Os Arcos”, “O Fluviário” e o “Solar da Vila”, da freguesia de Cabeção, o “Afonso”, “Morense”, “Quinta do Espanhol”, “O António” e “Solar dos Lilases”, de Mora, e “O Forno” e “Solar de São Dinis”, de Pavia, são os restaurantes que prometem fazer “crescer água na boca” aos visitantes.

artigo do parceiro: Nuno Noronha

Comentários