Vestir números pequenos

Tema destinado às mulheres com pouco peso que também têm problemas na escolha de roupa

Há modelos no pronto-a-vestir cujos números, embora sejam pequenos, não vestem bem, são pouco estruturados e não contemplam a cintura fina e peito pequeno, ficando as peças caídas no corpo com pouca graça e elegância, dando aspecto de "cabide". Recorre-se então às habilidades da costureira para que faça acertos.

A escolha sempre acertada é recorrer à confecção por medida, cujos modelos são pensados e idealizados para cada corpo e medidas em particular, escolhendo-se o design e tecido de acordo com o gosto e pretensões da cliente.

Embora o preço seja diferente do pronto-a-vestir compensa, veja esta opção como um investimento, ao ser aconselhada sobre o modelo, cores e cortes mais favoráveis para si, poupa no seu orçamento pois poderá confeccionar um pequeno guarda-roupa com modelos únicos e essenciais para uma temporada, completando com a compra das peças básicas que poderão ser adquiridas em lojas mais baratas.























Peças favoráveis:
- Modelos estruturados, de corte ajustado nos ombros e cintura, se for de estatura baixa o comprimento da roupa faz maravilhas - casacos pela anca e calças compridas, nada de corsários, as saias deverão ser pelo joelho, esqueça as saias gipsy e muito rodadas.
- Tailleurs de calça e saia, estilo Chanel, combinados com blusinhas super-femininas de folhos, rendinhas, estampados e bordados.
- Vestidos elegantes estilo anos 50/60 de caveados ou meia-manga.
- Túnicas folgadas com cinto fino.
- Saias puff-ball ou balão em tecido fluído, pregas e plissados.
- Cores fortes e claras, estampados grandes em motivos florais e geométricos. - Volumes em zonas mais delgadas, por exemplo peito, anca e traseiro.

Texto, informação e composição de imagem: Olga Cardoso Pinto – Estilista / Consultora de Moda http://consultoriodemoda.blogs.sapo.pt

Comentários