Marca portuguesa cria sapatos de salto altos especiais para andar de bicicleta

A ideia é uma novidade em Portugal e promete surpreender as milhares de fashionistas que não dispensam os saltos altos nem mesmo para praticar desporto.
créditos: Sara Correia Photography

Já alguma vez pensou que seria possível pedalar uma bicicleta usando saltos altos? Bem, por mais estranha que a ideia lhe pareça agora já é possível e afinal não é tão desconfortável quanto parece.

Marta Mestre é a mente por detrás desta criação. Após tirar um curso de design de calçado, a ideia surgiu "não só pela sua paixão de andar de bicicleta, mas pela necessidade de arranjar calçado adaptado", explica Patrícia Correia, Relações Públicas da Helsar. Criada em 1979, a empresa portuguesa dedica-se à produção de calçado feminino de alta qualidade, onde sofisticação, criatividade e originalidade estão presentes em cada criação.

“Neste caso tivemos a preocupação de usar pele, tecido reflector e colocar uma sola de borracha, de forma a se poder pedalar,” revela a Relações Públicas sobre o sapato. Mas será que são confortáveis? “Sem dúvida. São confortáveis, práticos e muito fáceis de calçar.”

A Helsar, que também se dedica à produção de malas e cintos, tem-se vindo a destacar no mercado internacional, exportando os seus produtos para países como Espanha, França, Alemanha, Holanda, Dinamarca e Angola. Do mais clássico ao desportivo, a empresa destaca-se pela variedade e versatilidade das suas criações, adaptando-se perfeitamente ao estilo de cada mulher. Jennifer Lopez, Anastasia e Shakira são algumas das figuras públicas que já se renderam à marca portuguesa.

Para já o modelo só está disponível através de encomendas por email, mas em breve estará à venda em vários sites na internet. O preço rondará os 170 euros.

Sem medo de desafios, a Helsar promete não ficar por aqui e surpreender os clientes com criações arrojadas e improváveis. “Brevemente daremos a conhecer dois novos sapatos feitos em parceria com a empresa GORIS de Gondomar. Serão apresentados na Portojóia, e serão autenticas jóias para os pés!”.

Comentários