Anabela Baldaque fecha segundo dia de Portugal Fashion com romantismo

Os anos 20 e os anos 50 inspiraram a designer reinventar novas propostas de tendências para a próxima primavera/verão 2015

Anabela Baldaque fechou o segundo dia de desfile da 35ª edição do Portugal Fashion, o primeiro dia no Porto, com muita feminilidade. As décadas de 20 e 50, com todo o seu romantismo, silhuetas definidas e sofisticação, foram a grande inspiração de Anabela Baldaque para uma mulher madura e feminina na próxima primavera/verão.

Remetendo para o sonho e para um espírito boémio, os rosas, azuis e cinzentos claros ganham vida com toques metalizados, materiais como brocados, rendas, sedas e tules, dando lugar, no decorrer do desfile, a coordenados em amarelos-torrado, bege e castanhos. A criadora portuguesa, que apresentou a sua coleção por volta das 23h no Palácio dos CTT, no Porto, conseguiu conjugar as diferentes concepções de feminilidade das duas décadas que influenciaram a colecção, mostrando na passerele coordenados que incorporam a fluidez, leveza e liberdade dos anos 20 e a definição das formas femininas da década de 50.

O segundo dia de desfiles começou mais cedo, por volta das 19h com as apresentações de Carla Pontes e Mafalda Fonseca, que mostraram as suas propostas para a próxima estação na plataforma Bloom. Desenhada para o ambiente urbano a coleção de Carla Pontes, “Pli”, explora looks leves e frescos com apontamentos desportivos.

Às 20h foi a vez de Susana Bettencourt e Estelita Mendonça mostrarem o preview das suas tendências. Conhecida pela qualidade das suas peças de knitwear, Susana Bettencourt não deixou de as incluir na colecção, com uma influência desportiva presente em todos os looks.a designer portuguesa explora simultaneamente o artesanal e o digital e apresenta-nos uma colecção marcada por contrastes, cores fortes e texturas. Já o designer Pedro Estelita Mendonça apresentou a sua colecção de menswear para a próxima estação, partindo da "inconstância dos bens do mundo", um verso de um poema de Gregório de Matos com que o estilista explica a sua inspiração.

Daniela Barros e Hugo Costa deram vida à passerelle por volta das 22h, uma hora antes do desfile de Anabela Baldaque que marca o encerramento deste segundo dia.

O evento prolonga-se até ao dia 25 de outubro, no Porto, e nesta edição contará com vários locais diferentes para os desfiles. Ao todo, estão previstos 33 desfiles (individuais e coletivos), 12 deles na passerelle dedicada a jovens designers e escolas de moda: o Bloom. No cômputo geral, o 35.º Portugal Fashion reúne 27 criadores (jovens e consagrados), 11 marcas de vestuário, seis marcas de calçado e quatro escolas de moda.

Veja agora o dossier da 35ª edição do Portugal Fashion com atualização diária de todos os desfiles.

artigo do parceiro:

Comentários