Tratamentos estéticos de outono

Repare os estragos do verão na pele e no cabelo a partir de... custo zero!

O fim das férias de verão e a chegada do outono traz-nos, quase sempre contrariadas, de volta a casa, ao trabalho e às rotinas habituais. Neste período que antecede a chegada do inverno e do frio, é tempo de rever os cuidados básicos de beleza e de corrigir os danos que o sol, o sal do mar e o cloro das piscinas causaram na pele e nos cabelos. Saiba o que pode fazer para recuperar o equilíbrio perdido e até para prolongar a beleza do seu bronzeado.

Hidratar e reconfortar para combater a secura cutânea

A exposição intensiva ao sol destrói a película natural de lípidos que cobre a superfície da pele. Sem esta proteção, inicia-se uma espiral de desidratação que se vê e que se sente. A secura causa desconforto e podem surgir rugas finas. «A combinação do sol com outros fatores, como o sal ou o cloro, tem um efeito de desidratação profunda na epiderme», avisa Carla Domingues, formadora da marca Thalgo.

Além disso, «as mudanças de ambiente alteram o estado da pele. Por exemplo, no campo ou na montanha, o ar tem mais oxigénio, o que não é mau, mas se a pele não está habituada, reage», acrescenta. Deve iniciar o tratamento de imediato. Se quiser recorrer a uma solução profissional, tem ao seu dispor o tratamento hidra-reconfortante Thalgo. Trata-se de um tratamento de hidratação profunda que hidrata intensamente e previne o envelhecimento.

Pode ser otimizado com mesolift (micro-correntes). Após diagnóstico personalizado, em geral aconselha-se um mínimo de 3 sessões, ou 6 nos casos mais necessitados. Este tem um curo de 60 € (60 minutos) ou 340 € (pack de 6 sessões) e pode fazê-lo no Caldarium Spa, Porto. Se prefere recorrer a uma solução cosmética, pode apostar no Cold Cream de Avène ou Aqualia Thermal de Vichy.

Tem ainda a hipótese de optar por uma solução caseira, uma solução que lhe permitirá poupar. Faça uma máscara hidratante de abacate, alperce ou papaia. Reduza a polpa a puré e misture-a com mel, que é um ótimo calmante, cicatrizante e antissético natural. Espalhe no rosto, evitando os olhos e os lábios, aguarde dez minutos e enxague abundantemente.

Esbater e prevenir o aparecimento de manchas castanhas

Poderá notar que lhe apareceram manchas acastanhadas na pele, em áreas que estiveram expostas ao sol. Trata-se de um descontrolo na produção de pigmento (melanina) que, nas mulheres, está, frequentemente, relacionado com fatores hormonais. Neste caso, são maiores do que os vulgares sinais e localizam-se na testa, face ou lábio superior, dando pelo nome de melasma.

A exposição ao sol é sempre um fator agravante. «É uma situação frequente no nosso país, onde a maioria da população tem um tom de pele moreno e existe um grande índice de exposição solar durante quase todo o ano», diz a dermatologista Filipa Diamantino, explicando que a melhor prevenção consiste em evitar a exposição direta ao sol e usar filtros solares com índice de proteção UVA e UVB elevados. Existem tratamentos corretores, mas é necessário continuar a proteger a área tratada.

Deve iniciar o tratamento quando der por encerradas as idas à praia pois será mais fácil evitar a exposição solar. Caso contrário, estará a corrigir por um lado e a estimular a pigmentação pelo outro. Se pretente recorrer a uma solução profissional o Dermamelan é uma hipótese que deve considerar. Consiste num peeling específico para o tratamento de melasma e cntém agentes que provocam a descamação das camadas mais superficiais, conseguindo assim eliminar as manchas de forma muito eficaz.

Habitualmente, uma sessão é suficiente e tem um custo de 400 € (uma sessão). Pode fazê-lo no Consultório de Dermatologia Dra. Manuela Cochito e Colaboradores, em Lisboa. Se prefere uma solução cosmética, Vinoperfect de Caudalie ou Depiderm de Uriage são indicados para estes casos. Se não quer gastar dinheiro, recorra a uma opção caseira.

Sugerimos-lhe uma exfoliação com mel biológico, uma a duas vezes por semana, ajuda a atenuar as manchas superficiais, resultantes de um bronzeado irregular. Aplique o mel em todo o rosto, sobre a pele limpa. Molhe a ponta dos dedos em água morna e massaje durante alguns minutos, com gestos circulares. O mel purifica e o calor suaviza a pele e facilita a libertação das células mortas. para terminar, enxague com água morna e seque bem a pele.

Recuperar a luminosidade da tez baça

A exposição ao sol faz com que as camadas superiores da epiderme se tornem ligeiramente mais espessas, como forma de autodefesa. Por isso, «quando a luz incide no rosto, não é refletida tão eficazmente nesta pele cuja microcirculação está mais deficitária e também carregada de radicais livres [outra reação ao sol]» explica Madalena Gusmão, formadora da marca Caudalie. Deve iniciar o tratamento de imediato e, se quer recorrer a uma solução profissional, optar pelo tratamento Pulpe Vitaminée de Caudalie.

É um tratamento facial hidratante e regenerador, que restitui vigor e luminosidade à pele cansada e agredida, graças a um cocktail de ingredientes reforçados em vitaminas e minerais, nomeadamente polifenois de grainhas da uva estabilizados, que são os antioxidantes mais poderosos do mundo vegetal. Inclui uma massagem inteiramente manual que trabalha a epiderme em profundidade para dinamizar as suas células. Deixa a tez resplandecente e lisa, preenchida a partir do interior. Os resultados são visíveis numa só sessão, ideal como choque energético.

Este tratamento tem um custo de 120 € (80 minutos). Pode fazê-lo em Spas Vinothérapie by Caudalie, no The Yeatman Hotel no Porto ou no Hotel L'And Vineyards em Évora. Ao nível da cosmética em casa, pode apostar no Sérum Végétal 3 Rugas e Luminosidade Yves Rocher ou Cura Ampolas Proteoglicanos de Mesoestetic. Quanto a soluções caseiras, sugerimos uma máscara revitalizante, feita com a polpa descascada de meio abacate maduro.

Misture com três bagos de uva branca, um ovo, uma colher (café) de maionese, uma colher (café) de mel, uma colher (café) de bicarbonato de sódio e uma colher (café) de sumo de limão. Bata o abacate no liquidificador, juntando as uvas, até obter um puré aveludado. Junte os outros ingredientes e bata tudo durante 45 segundos. espalhe no rosto e deixe atuar 15 minutos. Retire e enxague com água corrente.

Texto: Vera Saldanha com Carla Domingues (formadora da Thalgo), Madalena Gusmão (farmacêutica formadora da Caudalie), Filipa Diamantino (dermatologista) e Pedro Valverde (cabeleireiro)


artigo do parceiro:

Comentários