Técnica Radical System Vein

Um tratamento inovador que combina técnicas endovenosas para eliminar veias varicosas

Muitas mulheres que sofrem de varizes não gostam do que veem. A Técnica Radical System Vein (RSV) é uma combinação de várias técnicas endovenosas que se utilizam para conseguir a eliminação de veias varicosas.

Esta técnica combina o laser endovenoso de díodo, a esclerose em forma de microespuma e a esclerose líquida com diferentes produtos e combinações.

A RSV serve para eliminar qualquer tipo de varizes, indpendentemente do tamanho (grandes vasos e troncos safenos como varizes reticulares e derrames). Também se pode utilizar no tratamento de úlceras venosas e determinados tipos de malformações venosas.

Número de sessões necessário

O tratamento principal realiza-se numa só sessão. não obstante, são necessárias sessões adicionais para otimizar os resultados estéticos, uma vez que o objetivo é não só eliminar os problemas estéticos mas também eliminar os derrames das pernas. As sessões adicionais costumam fazer-se a cada duas semanas ou uma vez por mês, de acordo com as necessidades de cada caso, sendo, em média, necessárias quatro a seis sessões.

Tempo de recuperação

Este procedimento realiza-se a nível ambulatório (sem necessidade de anestesia) e o paciente deve caminhar de imediato 30 a 60 minutos após o tratamento. Nos primeiros dias é imprescindível utilizar uma meia especial colocada durante o tratamento. Como em todo o ato médico intervencionista, pode surgir algum hematoma, que se resolve por si só, ainda que usualmente se prescrevam cremes que diminuem a duração dos mesmos.

Contraindicações e preço

Não é aconselhável para pessoas com comunicação interauricular, grávidas, em casos de tvp (trombose venosa profunda) e em casos de alergia a algum dos produtos utilizados. Este tratamento custa entre 500 a 2.500 € e as sessões adicionais custam, em média, 100 € cada.

A melhor altura para fazer o tratamento

Atualmente, com os equipamentos médicos modernos e os produtos esclerosantes atuais, esta técnica pode realizar-se em qualquer época do ano. No entanto, nos primeiros dias é necessário utilizar uma meia especial permanentemente (dia e noite) e, por isso, é mais confortável a sua utilização durante o inverno.

Texto: Rita Caetano

artigo do parceiro:

Comentários