Inovações anti-estrias

Soluções avançadas que travam o seu desenvolvimento

As estrias podem aparecer devido aos mais diversos fatores. As alterações hormonais, as dietas iô-iô associadas ao aumento e perda de peso frequente) e o pós-gravidez são alguns deles.

Não há tratamentos milagrosos que as façam desaparecer para sempre mas podem ser atenuadas, ficando em muitos casos quase invisíveis.

Esses resultados conseguem-se através da utilização do aplicador ST do FormaTK em situações de estrias pouco profundas ou do aplicador FSR do EndyMed em situações de estrias mais profundas, ambas com tecnologia de radiofrequência.

A estria é uma cicatriz que se caracteriza por um rompimento das fibras elásticas que sustentam a camada intermédia da pele, formada por colagénio e elastina, ambos responsáveis pela sua elasticidade e tonicidade. As ancas, culotes, coxas, nádegas e zona lombar são as zonas mais comuns onde aparecem as estrias. O sucesso destes tratamentos vai depender do tipo de estria e de pele.

A estria vermelha ou cor de rosa indica que é recente. Neste caso, as hipóteses duma reversão aumentam pois o tecido ainda tem capacidade de regeneração. E quanto mais cedo agir, melhor. Quando as estrias ficam esbranquiçadas associadas a uma pele seca costuma ser mais difícil tratar. Daí a importância de manter a pele bem hidratada, uma vez que uma boa hidratação serve também como prevenção do aparecimento das estrias.

Em situações de estrias recentes e pouco profundas, o aplicador ST do FormaTK, disponível nos centros LiveWell, possui dois elétrodos que arrefecem a área tratada a uma temperatura de 7º C, de modo a eliminar qualquer possível desconforto. O aquecimento do tecido estimula as fibras de colagénio a produzirem novas reservas.

Como resultado, a pele fica refirmada e verifica-se o estiramento da pele (sensação de pele esticada). As sessões são realizadas uma vez por semana e o número de sessões dependerá de pessoa para pessoa, sendo que o mínimo de sessões para atingir resultados são seis. No caso das estrias mais profundas, o aplicador FSR (Fractional Skin Resurfacing) do EndyMed trata de todas as camadas da pele para um resultado ideal.

A radiofrequência fracionada promove a produção de colagénio, essencial para conferir tonicidade à pele, diminuir a aparência de cicatrizes, como as estrias, e uniformizar o tom da pele. Este é um tratamento cutâneo de resurfacing tridimensional que combina radiofrequência ablativa microfraccional com radiofrequência não-ablativa, através de um único pulso de energia. São necessárias três sessões com intervalo de um mês. Necessita da aplicação de anestesiante (creme) local.

artigo do parceiro:

Comentários