Queratina

O agente secreto reparador de cabelos estragados e sensibilizados

É o ingrediente-chave de uma nova geração de tratamentos e produtos para cabelos estragados e sensibilizados que consegue resultados em casos para os quais, antes, a única solução disponível era uma boa tesourada. Se ainda não experimentou, está na altura. A queratina não é novidade nem foi descoberta agora mas é a grande sensação do momento nos cabeleireiros e nas novas gamas capilares lançadas pela maior parte das marcas.

É um ingrediente reparador poderoso, capaz de restaurar a fundo a fibra dos cabelos danificados e sensibilizados. E a verdade é que os nossos cabelos nunca estiveram tão danificados como agora, a precisar desesperadamente de um ativo reparador assim. O cabelo é, cada vez mais, um acessório de moda que gostamos de adaptar às tendências da estação, ao estilo de cada ocasião ou mesmo à roupa que apetece vestir, de manhã.

E são muitos os procedimentos que temos à disposição para modificar a sua aparência, desde o tradicional brushing com secador e os ferros de modelar a quente, que muitas mulheres utilizam quase diariamente, até aos processos químicos mais invasivos, tais como colorações, ondulações e alisamentos. Tudo isto, somado à inevitável exposição diária ao sol, à poluição atmosférica e ao ar condicionado, pode causar danos importantes na sua estrutura.

Esta estrutura é constituída principalmente por queratina, «uma proteína natural extremamente resistente, responsável pelas características de força, flexibilidade e maciez que tanto valorizamos como sinónimo de beleza. Quando não se encontra em boas condições, o cabelo enfraquece e
torna-se áspero, baço e quebradiço», explica Joana Nobre, diretora técnica e de formação na empresa Ales Groupe Portugal, que acaba de lançar uma nova gama de produtos Phyto com queratina.

«As queratinas são um grupo de proteínas helicoidais insolúveis, que contêm complexos de cistina, produzidos nos tecidos epiteliais dos vertebrados. No ser humano, estão identificados cinquenta e quatro tipos, entre as quais a queratina do córtex da fibra capilar, com 18 aminoácidos que lhe conferem uma estrutura única», sublinha ainda.

Os tratamentos profissionais

A queratina é o ingrediente-chave de uma nova geração de tratamentos reparadores para cabelos estragados e sensibilizados, com os resultados mais eficazes que se conhecem. São verdadeiras intervenções SOS que conseguem reconstituir a fibra danificada em casos para os quais, anteriormente, a única solução disponível era uma boa tesourada. «Estes tratamentos servem para dar estrutura ao cabelo e, em simultâneo, hidratar. São indicados para cabelos sensibilizados, fragilizados e desidratado», acrescenta Nuno Dias.

«O nosso sistema Pro-Keratin usa uma tecnologia de aminoácidos e proteina de trigo, que protege e hidrata o exterior da cutícula, e a tecnologia Incell que protege e reforça a coesão das cadeias no interior da fibra», refere ainda o diretor de educação da L’Oréal Professionnel, que realça a importância da ativação por meio do calor. «Temos um aparelho térmico, o Steampod, adaptado ao tratamento profissional e à manutenção em casa. Com resultados espetaculares de alisamento, hidratação e brilho da fibra capilar», revela.

As diferentes fases da aplicação

O nome pode variar consoante a técnica de aplicação utilizada (cauterização, nanoqueratinização e requeratinização) mas todos os tratamentos utilizam queratina líquida, que penetra bem no cabelo e preenche as falhas e fissuras. O essencial mantém-se. Primeiro, um champô de limpeza profunda para remover todas as impurezas.

Depois, a queratina é aplicada madeixa a madeixa e, no fim, as cutículas são seladas com uma placa de cerâmica quente. O cabelo fica como novo: mais espesso, liso, brilhante e macio como seda. A transformação é imediata e duradoura, resistindo às lavagens. Pode ser necessário repetir o tratamento, ou criar um programa à medida de cada caso.

As versões caseiras

Os tratamentos de queratina para aplicação em casa são mais superficiais mas, ainda assim, oferecem uma ação bastante eficaz porque mantêm o elemento fundamental para ativar a fórmula, com a aplicação de calor, com um secador ou com placa elétrica. Também há gamas de cuidado básico (champôs, condicionadores, máscaras) com queratina. São úteis para complementar e prolongar o efeito destes, ou para curas pontuais de prevenção nos cabelos secos e porosos.

Dão brilho, suavidade e espessura aos fios, tornando-os mais fáceis de pentear. «Há um limite para a atuação dos cosméticos, mas com uma aplicação regular dos produtos, cumprindo os tempos de pausa e a frequência desejável de utilização, tem-se garantidamente um cabelo melhor, por mais tempo» diz Joana Nobre.

A marca Phyto optou por usar uma queratina vegetal, com uma composição idêntica à da queratina natural dos cabelos, igualmente com 18 aminoácidos, que, segundo Joana Nobre, «tem grande afinidade com a fibra capilar humana. Permite uma ação de reconstrução biomimética das cadeias [de aminoácidos] danificadas e atua como um filler, preenchendo as fissuras estruturais do cabelo».

Conselhos profissionais

As dicas da cabeleireira Helena Vaz Pereira:

Tratamento intensivo

Os tratamentos no salão de cabeleireiro têm a maior capacidade de reposição de queratina no cabelo. Quando o desgaste diário é muito grande, tem de haver uma compensação que só é alcançada num tratamento profissional.

Injeção de proteínas

O objetivo de um tratamento de queratina não é a suavidade, mas sim a reposição de proteínas. A sensação de cabelo seco ou áspero pode acontecer nos primeiros contatos, mas apenas quando existe uma sobrecarga de proteínas. Daí a análise prévia do cabelo ser fundamental.

Avaliação obrigatória

A escolha do local e do produto para o tratamento tem de ser adequada às suas necessidades. É fundamental uma boa avaliação do cabelo para se obterem os melhores resultados, com durabilidade e eficácia.

Texto: Vera Saldanha com Joana Nobre (farmacêutica e diretora técnica de formação no Ales Groupe Portugal), Nuno Dias (diretor de Educação da L'Oréal Professionnel) e Hela Vaz Pereira (cabeleireira e embaixadora da L'Óreal Professionnel)

artigo do parceiro:

Comentários