Alerta frio

Saiba como proteger a pele e o cabelo contra os efeitos nocivos das baixas temperaturas

Na estação fria é necessário ter cuidados especiais com o nosso cabelo e pele, para os proteger e conseguir com que se mantenham saudáveis. De facto o inverno traz consigo o frio e a humidade que podem levar a algumas consequências negativas para a pele e cabelo. Assim sendo existem uma série de cuidados que podemos exercer diariamente.

A hidratação é no inverno um factor chave. O frio, o vento e a humidade proveniente da chuva e das baixas temperaturas contribuem para uma pele mais seca. Se juntarmos a isso as diferenças de temperatura causadas pelos aquecedores temos uma combinação perfeita para uma pele em necessidade constante de hidratação. Escolha por isso um creme que se adeque ao seu tipo de pele e tenha um creme diferente para a cara e outro para o corpo, dado que a pele da cara (além de mais sensível) está exposta a agressões diferentes que o resto do corpo.

Se puder adquira um creme para a cara diurno e outro nocturno. A diferença da composição dos dois reside no facto de à noite ser o tempo de descanso da sua pele. Assim os compostos do creme estão preparados para o descanso e oxigenação da pele. Tenha ainda em mente que, ainda que não haja muito sol, é sempre altamente recomendável que o seu creme de dia tenha fator de proteção solar. Além disso é importante limpar a pele todos os dias com um produto não abrasivo.

Os seus lábios também se ressentem com o frio e o vento e tendem a ficar mais secos e gretados. A hidratação dos lábios não é segredo nenhum: encontre um batom hidratante que goste e tenha-o sempre consigo. Pergunte ao seu médico ou farmacêutico quais as melhores opções. As mãos costumam ser outra zona problemática. Tal como o batom tente andar sempre com um creme pequeno na sua carteira e sempre que puder ande de luvas para que não ande sempre a pôr e tirar as mãos dos bolsos. Este movimento repetido muitas vezes com as mãos frias pode mesmo causar pequenas fissuras.

No inverno, os cabelos precisam de cuidados especiais devido às baixas temperaturas pois neste período, costumamos tomar banhos mais quentes e a alta temperatura da água acaba por retirar o óleo do couro cabeludo, que tem como função a proteção natural e lubrificação dos fios capilares. Com a ausência deste óleo natural, o cabelo poder ficar com um aspeto ressequido, quebradiço e com pontas duplas. Em alguns casos, o organismo entende que é necessário repor essa ausência de oleosidade e por isso, os cabelos podem ficar com aquele aspeto mais oleoso.

Assim como no verão, os cabelos precisam de uma atenção especial no frio, de forma a dar-lhe a hidratação necessária, para que ganhe uma nova vida, brilho e textura. Descubra assim quais as principais dicas de cuidados com o cabelo no inverno.

Hidratação

Este é um passo essencial para um cabelo revigorante. Deve utilizar um shampoo e condicionador de boa qualidade, adequado ao seu tipo de cabelo. Em primeiro lugar deve-se fazer uma limpeza profunda dos fios de forma a retirar todas as impurezas. Em seguida, faça uma hidratação com um creme específico para o seu tipo de cabelo. A hidratação deve ser repetida semanalmente.

Água morna

A água quente é um dos principais inimigos do cabelo no inverno. Se exagerarmos na temperatura da água com que enxaguamos os nossos cabelos, desidratamo-los e aumentamos a queda, podendo inclusive provocar uma escamação do couro cabeludo, que muitas vezes é confundida com caspa. Sempre que possível opte por água morna em vez de água quente.

Evitar Oleosidade

É natural os cabelos ficarem mais oleosos no inverno. Por isso, opte por condicionadores e cremes mais leves e para desembaraçar o cabelo, use produtos sem enxague. Também é importante lavar o cabelo com a frequência adequada, nem muito raramente nem muito frequentemente, para não agredir o couro cabeludo e criar mais oleosidade.

Secador

O uso do secador ou de outros aparelhos elétricos, como modeladores ou alisadores deve ser feito corretamente, pois o ar quente provoca o enfraquecimento do cabelo, fazendo com que este se torne progressivamente mais fraco e quebradiço.. Para que isso não ocorra, antes de secar o cabelo aplique um protetor térmico ou reparador de pontas para proteger os fios.

Dormir com cabelos molhados

Não é recomendado dormir com o cabelo molhado, pois além ficar húmido, torna-se fraco e quebradiço. Também é relevante referir que não se deve nunca atar o cabelo quando este ainda está molhado. Esta dica vale para o inverno e para o verão.

Uso de acessórios

O uso de acessórios como chapéus, boinas, bandoletes e ganchos contribuem para dar um toque de estilo ao inverno, mas podem também trazer alguns perigos ao cabelo. O uso constante desses acessórios contribui para o aumento da oleosidade, favorecendo também, a proliferação de fungos e bactérias. O ideal é higienizá-los pelo menos uma vez por semana e alternar o uso: se foi de chapéu hoje, não o ponha amanhã. E também é importante dizer que nunca deve colocar nenhum acessório enquanto o cabelo ainda estiver molhado. Estes acessórios vão ser importantes para os dias em que o seu cabelo está com um aspecto mais oleoso ou num ‘bad hair day’ e assim ajudar a camuflar estes problemas.

Massagem no couro cabeludo

Ao lavar os cabelos faça uma massagem no couro cabeludo com movimentos circulares. Estes movimentos irão permitir a oxigenação e circulação do couro cabeludo, além de lhe proporcionarem um bem-estar imediato. Também acelera o crescimento dos fios capilares.

Queda do cabelo

Esta é estação mais propícia para a queda de cabelo, porque, além dos motivos citados acima, a queda de cabelo acontece também porque estamos mais dispostos a comer comida mais gordurosa e porque nosso sistema imunológico fica mais fragilizado com o frio. Outro fator que pode influenciar é o aumento do stresse. É normal perder entre 50 a 100 cabelos por dia, com o pico sazonal do outono. Dormir e descansar bem também é essencial para a boa saúde de todo o organismo. As pessoas com menores índices de repouso estão mais sujeitas a quedas de cabelo.

Alimentação

Tal como o resto do corpo, o cabelo precisa de nutrientes para conservar a sua beleza. Estes nutrientes podem ser fornecidos pelos alimentos e suplementos alimentares, é o caso da vitamina B, presente na levedura de cerveja, carnes orgânicas, frutas e legumes, produtos lácteos, essenciais para o crescimento capilar. Por sua vez, o ferro, presente nas carnes, desempenha um importante papel na nutrição e oxigenação das raízes.

O cabelo é um reflexo do estado geral da saúde do corpo, por isso aproveite estas dicas que lhe vai permitir manter o cabelo saudável e no auge da sua beleza durante todo o ano.

artigo do parceiro:

Comentários