O que comer em véspera de testes e exames?

Para além dos bons hábitos alimentares - já vamos saber quais -, dormir no mínimo oito horas é essencial. No Dia Nacional do Estudante, conheça os conselhos da nutricionista Rita Morais.

Em véspera de exames o que pretendem todos os estudantes? Estar a 100%, ter o cérebro a trabalhar de forma eficaz, eficiente e arranjar formas de combater o cansaço. Para isso, a alimentação deve ser extremamente nutritiva.

O que acontece na maioria das vezes, por falta de tempo, é a procura de snacks, opções rápidas, práticas e que “matem” a fome de imediato, sem perder tempo na cozinha. No entanto, pode existir perda de tempo do ponto de vista intelectual. Se estas opções forem ricas em gordura, açúcar e sal, não serão opções nutritivas.

Para começar o dia da forma mais equilibrada, independentemente da hora de acordar, os estudantes devem tomar o pequeno-almoço como primeira refeição. Duas sugestões que servem apenas de “inspiração”: Pão de cereais com um pouco de manteiga de amendoim, uma chávena com leite magro com uma colher de chá de café e duas ameixas com a casca.

Para os adeptos de cereais, podem adicionar numa taça, um iogurte liquido magro, umas amoras (uma banana, morangos, ou outra fruta), flocos de aveia, umas nozes e/ou avelãs, sementes de chia e/ou girassol e ficam aptos para começar o dia a estudar.

Frutos secos ricos em tudo o que o cérebro precisa

Para aqueles que preferem estudar fora de casa, evitem passar muitas horas sem comer. Devem levar de casa algumas opções. A melhor “bomba” de nutrientes que posso recomendar, também muito prática, são as nozes, as avelãs, as amêndoas, considerados frutos gordos amiláceos, extremamente ricos em tudo o que o nosso cérebro precisa, já para não falar que são excelentes opções para substituirmos os croissants, as bolachas, os chocolates, considerados opções calóricas, cheias de gordura, açúcar e zero nutrientes interessantes para o cérebro.

A desidratação é algo que pode causar alguma sonolência, fraqueza e moleza. Para evitar estes sintomas tem de existir um esforço acrescido. Para isso, basta arranjar uma garrafa de água e assim beber ao longo do dia.

Comentários