O brilho do Natal está por todo o lado

O Natal é a festa da família por excelência mas é a também uma época privilegiada para assistir a espetáculos e eventos únicos, que só podem ser vistos nesta altura do ano.

Por isso, antes ou depois de passar a noite da Consoada no aconchego do lar, saia para as ruas iluminadas e aproveite as mil e uma sugestões da época: feiras e mercados de rua, vilas-Natal, presépios, carrosséis e pistas de gelo, música nas igrejas, circo, magia, animação de rua e muito, muito mais.

Óbidos Vila-Natal (até 4 de janeiro) dispensa apresentações mas há outras aldeias, vilas e cidades que recriam os ambientes natalícios ao detalhe, em encenações que encantam miúdos e graúdos. Este ano, pela primeira vez, a cidade mais alta de Portugal, faz jus à sua condição de terra da neve e torna-se Guarda, A Cidade-Natal. A Praça Velha, vigiada pela imponente Sé Catedral, é o epicentro deste sortilégio de luz, cor, música e magia. O tradicional Madeiro de Natal vai arder junto à Igreja da Misericórdia.

O Natal em Lisboa propõe, para além dos tradicionais concertos em algumas das mais emblemáticas igrejas da capital, um empolgante espetáculo de videomapping na fachada do Arco da Rua Augusta, ao Terreiro do Paço. O Fabuloso Desejo de Natal está em cena de 14 a 23 de dezembro, às 19h, 20h e 21h.

As feiras e os mercados de rua já fazem parte da vida dos lisboetas mas por esta altura ganham um colorido especial. O Mercado de Natal de Alvalade, o Crafts & Design no Jardim da Estrela e o OCUPA são algumas das opções para compras alternativas.

No Porto, a gigantesca Árvore de Natal, com 26 metros de altura e 14 de largura, ergue-se nos Aliados, fazendo cintilar a Baixa e arredores. É neste cenário digno de filme que será apresentado um excerto do bailado Quebra Nozes que conta com a atuação de 20 bailarinos (a 12, 13 e 14 de dezembro e 6 de janeiro).

Para compras de última hora, o recém-batizado Largo Amor de Perdição (em homenagem a Camilo Castelo Branco), em frente à Cadeia da Relação, acolhe a Artesanatus – Feira de Artesanato do Porto. No roteiro dos presentes com um toque artístico não pode faltar o já tradicional Bazar de Serralves.

Se o Natal é das crianças, há muito boa gente com mais de metro e meio que não dispensa uma volta no carrossel ou nos carrinhos de choque. A Feira Popular de Natal está de regresso a Entrecampos para alegria de várias gerações. Na Avenida da Índia há Natal em Alcântara e a Praça do Comércio recebe o Mercado de Natal Jogos Santa Casa. Nos arredores da capital, pode divertir-se no Reino do Natal em Sintra, em Cascais Vila Natal, no Natal no Parque em Loures e na Floresta Encantada na Tapada de Mafra.

A norte, Bragança é Terra de Natal e de Sonhos, Amarante é Cidade-Presépio, Santa Maria da Feira convida a entrar em Perlim, Uma Quinta de Sonhos e Vila Praia de Âncora, em Caminha, tem uma pista de gelo - Âncora on Ice. Em plena Serra da Estrela, Cabeça, Aldeia Natal, em Seia, é já um clássico. A sul, em Vila Real de Sto. António, o presépio gigante é uma das principais atrações das festividades da cidade algarvia.

Estas são apenas algumas das ideias para celebrar nas ruas, nas praças, nas avenidas e nos jardins, absorvendo o brilho das luzes e a magia que anda no ar. Consulte ainda a agenda cultural de música, bailado, teatro e exposições, com variadas propostas que falam ao coração do Natal.

Divirta-se e Boas Festas!

Redação Lifecooler

www.cinco-estrelas.pt

artigo do parceiro:

Comentários