20 sinais de que é mãe de meninas

Sabe de cor todas as músicas dos One Direction e já pisou muitas Polly Pockets? Sim, é uma mãe de meninas.

Claro que nem todas as meninas são superfemininas, mas a maioria ainda está a um mundo de distância dos imparáveis amantes de camiões e saltadores de sofás que são os rapazes. E isso vê-se: se tem uma princesinha em casa, então é muito provável que já tenha revelado pelo menos um destes sinais de que mãe de uma menina.

 

1. O cesto da roupa suja é uma mina de brilhantes soltos, batons derretidos e conchas esmagadas.

2. Conhece cada palavra de cada canção alguma vez interpretada pelos Onde Direction.

3. Já teve de justificar a sua pedicura a uma menina do jardim-de-infância («Porque a mamã tem um emprego e é por isso!»).

4. Sabe todos os nomes, enredos e príncipes, para cada uma das princesas da Disney. E, vamos ser honestas, também está secretamente muito animada para visitar a Disney. O momento em que ela vê pela primeira vez o castelo da Cinderela ou cumprimenta a Bela? É incrível!

5. Consegue perceber todas as piadas de pisar em Lego se estes forem substituídos por Polly Pockets ou Littlest Pet Shop.

6. Procura caminhos alternativos nos centros comerciais para evitar passar à porta de uma Claire’s.

7. Já presenciou um colapso nervoso épico sobre… cabelo.

8. Já viu a sua filha a pestanejar para conseguir o que quer (na maioria das vezes com o pai).

9. Ri-se todas as vezes que a sua filha calça os seus sapatos, agarra na «mala» e nas «chaves do carro» e diz «vou ao supermercado».

10. Já cedeu e deixou a sua filha ir ao supermercado vestida com uma estola de penas/ um fato de princesa/ um pijama com pés/um tutu porque simplesmente não pode discutir sobre o assunto mais uma vez.

11. Já raspou autocolantes de todas as superfícies imagináveis.

12. Pode tornar-se profissional da coreografia com as mãos de «Às duas eu nasci».

13. Justificou a presença de bonecas Barbie em sua casa com um «mas ela é cirurgiã, astronauta, jornalista e piloto de Fórmula1!" à prova de bala.

14. Já subornou a sua filha para que ela vestisse algo incrivelmente bonito.

15. Já fantasiou sobre a sua filha se tornar um ás em algo decididamente não-feminino – jogar bilhar, consertar automóveis, fazer surf, tocar bateria.

16. À hora do jantar, tem que colocar a sua filha de tal maneira que não haja nenhuma superfície refletiva na sua linha de visão para que o resto da família possa realmente ter contato visual com ela.

17. Já foi a bruxa má, o príncipe, o bebé, uma princesa/sereia amiga e, sim, o cão, mais vezes do que consegue contar pelos dedos das duas mãos.

18. Já procurou online por «soluções criativas para guardar peluches» mais do que uma vez.

19. Já viu a sua filha realizar um movimento de dança sexy e quase caiu da cadeira.

20. Adora sair com a sua filha para um «tempo de meninas», mesmo que não seja realmente uma mulher ultrafeminina.

 

 

Adaptado por Maria João Pratt

Fonte: iVillage

artigo do parceiro:

Comentários